Novos sensores da Ford limpam o para-brisas e permitem visibilidade total aos condutores

0

Muitos de nós voltámos às estradas para fazer desporto depois do período festivo, quer seja para correr, andar de bicicleta ou ir ao ginásio. O único problema é que, quando entramos no carro depois do treino, o nosso calor corporal por vezes leva a que o interior do para-brisas se embacie, atrasando a nossa viagem de regresso a casa, nem que seja só por alguns minutos.

A Estação Climática de para-brisas da Ford impede que isso aconteça antes mesmo de acontecer. Pode detetar humidade no ar e alterações na temperatura do vidro, ativando automaticamente o ar condicionado, se necessário, e selecionando a regulação do fluxo de ar necessária para evitar o embaciamento do para-brisas.*

Com a limitação de opções de treino em espaços interiores devido à pandemia de COVID-19, é mais frequente as pessoas não poderem tomar banho logo após o exercício. No ano passado, de março a junho, a Sport England registou mais 731.000 corredores e mais 1,2 milhões de ciclistas do que nos meses anteriores, enquanto a Alemanha viu aumentar em 42% o número de corredores, à medida que as pessoas tentavam manter-se ativas durante o confinamento.

A Estação Climática de para-brisas está localizada no vidro frontal, perto do espelho retrovisor. O sistema de 5 cm x 3 cm é composto por vários sensores. A versão mais recente, já introduzida nos SUV Ford Kuga e Explorer, também ajuda a melhorar a eficiência de combustível e a reduzir as emissões de CO2, reduzindo a utilização do compressor de ar condicionado.

Recentemente, a Ford associou-se aos especialistas de experiência ao ar livre komoot para permitir aos condutores planear, navegar e desfrutar de uma aventura ao ar livre; e os condutores de alguns modelos de veículos Ford eletrificados podem utilizar o FordPass para descongelar o para-brisas e regular a temperatura do habitáculo antes de iniciarem a sua viagem. **Para o exterior, a tecnologia patenteada QuickClear da Ford descongela o para-brisas em segundos com o toque de um botão.
Citações

“Esperar que o seu para-brisas desembacie depois do exercício é uma das pequenas irritações da vida, mas conduzir sem poder ver claramente à frente pode ser perigoso. Esta tecnologia antecipa o problema e lida com ele sem que o condutor sequer se aperceba”.

* Ingo Krolewski, Supervisor, Climate Controls and Attributes, Ford EuropaO sistema de sensores está incluído nos veículos com duplo controlo elétrico automático da temperatura.

** Em regiões onde a lei o permite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.