Campeonato Open de Portugal de Velocidade arranca este fim-de-semana

0

O Campeonato Open de Portugal de Velocidade tem o seu início marcado para o próximo fim de semana, tendo como palco o Autódromo Internacional do Algarve (AIA) e pano de fundo uma série de novidades.

A competição foi lançada em 2019 por iniciativa da Associação Nacional de Pilotos de Automóveis Clássicos (ANPAC) e da FPAK, e depois de um ano de estreia com sucesso, a ANPAC deu lugar à Prime Promotion e ao AIA na promoção desta competição. Esta é a primeira novidade de 2020.

A segunda novidade reside no patrocinador da competição, a marca de pneus Michelin. Em todas as jornadas do Open de Portugal de Velocidade by Michelin, estará disponível o apoio técnico através da presença da Sport Pneus, responsável pela entrega dos pneus S9M (piso seco) e P2L (piso molhado). Esta será a única competição portuguesa de pista com ‘prize money’, e estrelas do automobilismo são os ‘padrinhos’ do campeonato.

Tiago Monteiro e Filipe Albuquerque, pilotos portugueses que têm elevado bem alto a bandeira portuguesa no automobilismo mundial, passam a ser os embaixadores do Campeonato Open de Portugal de Velocidade by Michelin.

O primeiro, ex-piloto de Fórmula 1 e atual piloto do WTCR, referiu que “sou um apaixonado pelo meu País e pelas corridas e por isso considero o open de ffelocidade uma excelente oportunidade para os pilotos mais experientes e também para quem se inicia no nosso desporto.”

Por seu turno, Filipe Albuquerque, piloto do WEC, lembrou que “este formato de ‘sprint’ e ‘endurance’ é muito apelativo e será uma oportunidade única de ver carros de GT e de Turismos juntos, pelo que felicito a FPAK pela iniciativa e dou o meu apoio à competição.

Finalmente, mas com tanta importância como as novidades já reveladas, o Campeonato Open de Portugal de Velocidade by Michelin será a única competição portuguesa de pista com um ‘Prize Money’, no valor de 15 mil euros. O Prémio Michelin oferece 10 mil euros em pneus, o Prémio Open de Velocidade entrega 5 mil euros em dinheiro e a promoção e divulgação da competição foi reforçada em termos de orçamento. a forma de distribuição dos prémios será anunciada oportunamente.

A Prime Promotion e o AIA estão a fazer um esforço muito grande para devolver à velocidade nacional o prestígio que outrora conheceu e, num ambiente de pandemia, encara 2020 como o ano de lançamento de uma nova proposta para a velocidade portuguesa. Oportunamente, serão divulgadas novas iniciativas para a divulgação e promoção do campeonato. o calendário do Campeonato de Portugal Open de Velocidade 2020 foi duramente constrangido pela pandemia de Covid-19, atirando para os braços da promoção da competição a busca de um calendário equilibrado e que defendesse o prestígio da competição.

Assim, a competição terá quatro jornadas que vão visitar os três circuitos permanentes de Portugal (Portimão, Estoril e Braga) em julho, setembro, outubro e dezembro. As provas terão dois formatos: Sprint (2 corridas com duração de 20 minutos cada onde cada piloto fará uma prova) e Endurance (1 corrida com duração de 45 minutos com troca de piloto). Cada fim de semana de corridas terá duas provas Sprint e uma prova Endurance. Contas feitas, serão 95 minutos de corrida em cada uma das quatro jornadas propostas no calendário.

O Campeonato de Portugal Open de Velocidade 2020 abraçará quatro categorias: Open de Portugal GT (classes G1, G2 e G3), Open de Portugal de Turismos (classes T1, T2, T3, T4 e T5), Open de Portugal Superseven (classes SS1 e SS2) e Open de portugal kia Ceed GT Cup.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.