Team Peugeot Total conclui World RX com um lugar no pódio

0

O Team PEUGEOT Total concluiu a sua aventura no Campeonato do Mundo FIA de Ralicross (World RX) com uma sólida classificação na África do Sul, alcançando o 9º pódio da temporada, graças a Sébastien Loeb. Tal como na Letónia e pela segunda vez este ano, todos os três PEUGEOT 208 WRX chegaram a uma Final. Numa corrida extremamente disputada, Loeb foi 3º e alcançou, assim, o seu 7º pódio nos 12 eventos de 2018, incluindo uma vitória na Bélgica. Kevin Hansen, o mais jovem elemento da equipa, foi 4º (pela segunda vez este ano), enquanto o seu irmão Timmy não teve sorte e foi forçado a abandonar depois de não conseguir evitar o contacto com um concorrente imobilizado no meio de uma nuvem de poeira. No Campeonato de Equipas, o Team PEUGEOT Total assegurou o 3º lugar à Geral, naquele que foi o seu primeiro ano na modalidade.

Bruno FAMIN, PEUGEOT SPORT Diretor, Diretor do Team PEUGEOT Total

“Terminámos a nossa Aventura no Ralicross com um pódio e três carros na Final, o que é uma excelente forma de fechar o ano. É óbvio que gostávamos que o resultado fosse melhor, com uma reedição da nossa vitória no início da temporada, mas isto demonstra bem o nível de competitividade do campeonato, ao longo de todo o ano, com uma forte oposição dos pilotos e equipas rivais! Parabéns ao Johann Kristoffersson pelo seu impressionante desempenho! A jornada na África do Sul arrancou muito bem para nós, com os dois primeiros lugares na Qualificação 1, mas depois não fomos capazes de manter o mesmo ritmo ao longo do restante fim de semana, embora andássemos perto disso. No entanto, penso que demostrámos aqui todo a competitividade e potencial do 208 WRX. Gostava, agora, de prestar homenagem a todos os elementos da nossa equipa – independentemente do papel que cada um teve no Team PEUGEOT Total – pois fizeram um excelente trabalho em tão pouco tempo. O facto de termos conseguido ser tão competitivos num período de tempo tão curto revela bem todo o talento e empenho de toda a equipa.”

Sébastien Loeb, PEUGEOT 208 WRX #9 – 3º lugar na Final

“O carro esteve ótimo, muito rápido, algo que já tínhamos demonstrado ao longo do ano. Trabalhámos intensamente neste programa e fizemos alterações significativas no PEUGEOT 208 WRX a meio da temporada, por isso, acho que, para estreia como equipa oficial, tivemos uma boa performance. Nesta última corrida voltámos a ser competitivos, estando sempre na luta do princípio ao fim. Foi um bom fim de semana e o 3º lugar à Geral é um bom resultado, tendo em conta que tudo se joga na primeira curva e que a Final foi uma grande confusão. Estou francamente satisfeito com o resultado e com toda esta temporada. Só obtive uma vitória este ano, mas não deixa de ser uma vitória! Ainda não sei o que vou fazer no próximo ano e claro que o terminus do programa não foi propriamente uma boa notícia, mas hei de encontrar outros desafios, possivelmente como privado.”

Kevin Hansen, PEUGEOT 208 WRX #21 – 4º lugar na Final

“Foi incrível estar numa Final outra vez! Estou muito feliz pela minha equipa, por termos levado o carro até à Final, naquele que foi o meu grande objetivo em todos os fins de semana. Embora tenha lutado por um lugar no pódio, este 4º lugar não deixa de ser um bom resultado, igualando outro que havia sido o meu melhor resultado nesta temporada. Quando se tem 20 anos e se está numa equipa oficial aprende-se imenso! Vou aplicar toda esta experiência no meu amadurecimento. Penso que será fundamental na minha preparação para chegar a Campeão do Mundo nos próximos tempos. Depois desta última corrida, tudo ficou mais emocional: todos os que trabalham nesta equipa são pessoas fantásticas e estou-lhes muito grato. Obrigado a todos!”

Timmy Hansen, PEUGEOT 208 WRX #71 – 6º lugar na Final

“Quando saí da nuvem de poeira, embati no Solberg, que tinha feito um pião, e acabei por partir um triângulo de suspensão, pelo que tive de abandonar. Estou há cinco anos com a PEUGEOT e agora que este projeto chegou ao fim, as emoções falam mais alto. Estou orgulhoso de tudo o que fizemos. Estou grato por tudo o que recebi ao longo destes anos, onde temos recordações fantásticas. Tenho orgulho de tudo o que alcançámos em conjunto. Esta temporada foi boa e estou satisfeito com o resultado final. Também estou feliz por todos os que integram a PEUGEOT Sport, por me terem acompanhado nesta jornada. Neste momento, é um pouco difícil falar de tudo isto. Tenho a voz embargada pela emoção! Só quero que todos saibam que foi tudo muito bom para mim.”

RESULTADO DA FINAL – CIDADE DO CABO

  1. Johan KRISTOFFERSON – 04:12.787
  2. Mattias EKSTRÖM – 04:15.487
  3. Sébastien LOEB – 04:16.382
  4. Kevin HANSEN – 04:19.017
  5. Petter SOLBERG – 00:00.000
  6. Timmy HANSEN – 00:00.000

CAMPEONATO DE PILOTOS (Final, após a 12ª prova de 12)

  1. Johan KRISTOFFERSSON / Volkswagen Polo R – 341 pontos
  2. Mattias EKSTRÖM / Audi S1 – 248
  3. Andreas BAKKERUD / Audi S1 – 237
  4. Sébastien LOEB / PEUGEOT 208 WRX – 229
  5. Petter SOLBERG / Volkswagen Polo R – 227
  6. Timmy HANSEN / PEUGEOT 208 WRX – 192
  7. Niclas GRÖNHOLM / Hyundai i20 – 146
  8. Kevin HANSEN / PEUGEOT 208 WRX – 145
  9. Janis BAUMANIS / Ford Fiesta – 98
  10. Timur TIMERZYANOV / Hyundai i20 – 86

CAMPEONATO DE EQUIPAS (Final, após a 12ª prova de 12)

  1. PSRX Volkswagen Sweden – 568 pontos
  2. EKS Audi Sport – 485
  3. Team PEUGEOT Total – 421
  4. GRX Taneco – 232
  5. GC Kompetition – 152
  6. Olsbergs MSE – 72

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.