Álvaro Parente impressiona em Daytona

0

Álvaro Parente esteve num excelente nível no Roar Before the 24 At Daytona, tendo na sua esteia no circuito da Florida, com o Acura NSX e com a Michael Shank Racing registado o quarto tempo da qualificação para as boxes.

O português tinha este fim-de-semana um sem número de novidades para enfrentar, uma vez que contactava pela primeira vez com uma competição, a Taça Norte Americana de Endurance, com o carro japonês, com a equipa norte-americana, com os seus novos colegas de equipa – Katherine Legge, Trent Hindman e A.J. Allmendinger – e com o traçado da pista de Daytona.

Mas nada disso foi problemático para Álvaro Parente que rapidamente se adaptou ao novo ambiente, conseguindo rodar em tempos muito competitivos logo na primeira sessão de treinos em que participou, a segunda de sexta-feira.

Nas restantes jornadas, realizadas hoje e no sábado e que totalizavam sete sessões de treinos livres e a qualificação para as boxes, o português foi aumentando o seu ritmo, tendo evidenciado um andamento que permitia ao Acura NSX #86 manter-se consistentemente entre os dez primeiros. No exercício para definir as posições das equipas nas boxes, Álvaro Parente mostrou uma vez mais um andamento forte, assegurando o quarto crono a menos de três décimos de segundo da melhor marca da classe GTD. “Foi um bom primeiro contacto com a equipa, carro e circuito! Fomos evoluindo ao longo dos três dias de testes e na qualificação para os lugares das boxes estivemos bem. Melhorámos o carro e temos ainda margem para progredir. O mais importante é colocar o automóvel o mais eficaz possível para a corrida”, afirmou o piloto do Porto.

No campo pessoal, Álvaro Parente revelou-se bastante agradado com a sua integração na Michael Shank Racing, estando seguro de que terá o ambiente perfeito para uma boa temporada. “Estou a adaptar-me muito bem à equipa e gosto do sistema de trabalho de toda a estrutura, o que ajuda que a ambientação seja mais rápida. Toda gente é muito focada em tornar o carro mais rápido e competitivo, o que me deixa muito agradado, dado que sei que estamos todos a trabalhar para podermos conquistar bons resultados. Penso que temos os ingredientes para uma boa temporada”, concluiu o Campeão de 2016 do Pirelli World Challenge.

O Roar Before the 24 At Daytona teve como objectivo preparar as 24 Horas de Daytona, a primeira ronda da Taça Norte Americana de Endurance, realizando-se entre os dias 25 e 28 de Janeiro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.