ER Motorsport com duplo pódio em Portimão

0

 

  • Sortes diversas para Eduardo e Ricardo Leitão na jornada final do TCR Ibérico

O Autódromo Internacional do Algarve recebeu este fim-de-semana a derradeira jornada do TCR Ibérico, onde a ER Motorsport esteve presente com dois carros. Enquanto Eduardo Leitão participou ao volante KIA Cee’d TCR oficial da CRM Motorsport, o seu irmão Ricardo regressou aos comandos do SEAT Leon da Veloso Motorsport. No entanto, apesar de ambos terem evidenciado um ritmo promissor durante as sessões de treinos e qualificação, acabaram por ter sortes diferentes no decorrer das corridas de sábado e domingo.

Foi Ricardo Leitão quem acabou por ter um fim-de-semana mais positivo, conquistando dois terceiros lugares nesta jornada algarvia. “Acabou por ser muito melhor do esperávamos!”, exclamou o piloto apoiado pela Biz, Primus, Sunlover, Fruut, Nutriva, Autódromo Virtual de Lisboa e Korridas. “Tenho de agradecer aos técnicos da Veloso Motorsport, pois o SEAT Leon esteve sempre muito bem afinado, o que nos permitiu sermos bem competitivos em pista, apesar de contarmos com o handicap da caixa DSG”, explica o jovem lisboeta.

Tanto na Corrida 1 como na Corrida 2 Ricardo Leitão arrancou de quarto, andando sempre na luta pelo terceiro posto. “As batalhas que travei, tanto com o Edgar Florindo como com o José Cautela, foram bastante intensas. Tive de gerir o desgaste dos pneus, mas consegui sempre impor um ritmo bem vivo, pelo que foi um fim-de-semana em cheio”, conclui o piloto de 23 anos.

Eduardo Leitão sem sorte

Para o seu irmão Eduardo, a jornada começou em nota alta “com o KIA bem mais competitivo do que quando o conduzi na pré-temporada. Senti que conseguiria, em corrida, melhorar o sexto lugar obtido na qualificação”, começa por explicar o piloto de 26 anos. Contudo, o seu fim-de-semana ficou condenado quando o KIA Cee’d sofreu uma quebra de motor na primeira corrida do seu companheiro de equipa, em virtude de danos provocados por destroços na pista.

Como tal, a equipa CRM Motorsport teve que abandonar. “Não foi a melhor forma de terminar a época, e foi frustrante sobretudo pelo potencial que o Cee’d TCR demonstrou em Portimão. Mas a competição tem destas coisas. Só me resta agradecer à KIA Portugal e à CRM Motorsport esta oportunidade, e começar a planear a temporada de 2018”, remata Eduardo Leitão.

A ER Motorsport não vai ter descanso, pois há que preparar a próxima jornada do Super 7 by KIA, que se realizará já no fim-de-semana de 27 a 29 de outubro, novamente no traçado de Portimão, onde Ricardo Leitão vai continuar a lutar pelo título de 2017 deste troféu.

e_leitao r_leitao

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.