test

Tomás Martins sem sorte no fecho do campeonato

0

 

Decorreu este fim de semana passado, a última prova do CNK, disputada no Kartódromo do Bombarral. Com 10 pilotos na categoria Juvenil, e com temperaturas ainda de verão, estavam reunidas todas as condições para termos mais uma corrida disputadíssima até ao fim.

No sábado e após durante a manhã se terem disputado os treinos livres oficiais, nos treinos cronometrados, o Tomás apenas conseguiu alcançar a 6ª posição, mas com uma diferença para o segundo de somente 3 décimas. Portanto, tudo muito disputado. Na MQ1, após o arranque, o Tomás perdeu uma posição, e como os andamentos eram muito iguais, não houve hipótese de subir na classificação. A

liás, durante as 10 voltas que compunham a corrida, não houve uma ultrapassagem, mantendo-se as posições após a 1ª curva. No domingo, o objetivo do Tomás era alcançar uma posição de podium. Na MQ2, depois do sinal verde, o Tomás aproveitou um toque entre adversários e conseguiu subir a 5º. Mais uma vez com os andamentos muito parecidos, não houve mais alterações na classificação.

Com o conjunto de resultados, para a corrida final, o Tomás iria partir da 6ª posição. Como era a corrida final do campeonato, ninguém queria ficar para trás. Então, assistiu-se a uma corrida imprópria para cardíacos. Corrida limpa com várias ultrapassagens até à última volta, em que mais uma vez, à entrada para uma curva, o Tomás estava a defender a sua posição, quando foi abalroado por trás, perdendo 3 posições. Ainda conseguiu recuperar 2 posições, acabando mais uma vez em 6º.

“ Estou muito triste pois mais uma vez fui prejudicado por outro piloto e nada lhe aconteceu. Fui chamado ao Colégio de Comissários Desportivos, para dar a minha versão do toque, mas mais uma vez, nunca ninguém é penalizado. Não entendo como é que o piloto em questão não é penalizado, pois toda a gente viu que fui empurrado para fora. De resto, estou contente com o meu andamento. Era a última corrida do campeonato e queria acabar com bom resultado. Este foi um ano muito difícil, em que o resultado final não foi o esperado, tive vários problemas mecânicos e alguns azares, mas aprendi muito neste que foi o meu primeiro ano nesta categoria. Queria só dar os parabéns ao Luis Alves que foi campeão e a todos os pilotos que correram comigo. Parabéns a todos!!!.”

A próxima corrida do Tomás será na Taça de Portugal, disputada no Kartódromo de Braga nos dias 7 e 8 de outubro. Resta agradecer a todos que tornam este projeto possível, em especial à ART Pro Racing, Campingaz, Meritis e AEGA.

 

martins

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.