Red Line Motorsport garante mais quatro pódios no Nacional de Karting

Red Line Motorsport garante mais quatro pódios no Nacional de Karting

 

  • Madeirenses João Dias, Bruno Ponte e António Santos em grande plano em Palmela

Na quarta e penúltima prova do Campeonato Nacional de Karting, disputada este fim de semana, no Kartódromo Internacional de Palmela, garantiu que os seus pilotos João Dias, na categoria X30 Super Shifter Gentleman, e António Santos, na categoria Cadete, subissem ao lugar intermédio do pódio. Como ‘cereja no topo do bolo’, Bruno Ponte marcou presença por duas ocasiões no pódio, face ao segundo lugar conquistado na categoria X30 Super Shifter Júnior e à terceira posição alcançada entre os experientes da X30 Super Shifter!

A equipa Red Line Motorsport pode orgulhar-se do trabalho que tem vindo a desenvolver há mais de última década e a quarta e penúltima jornada do Campeonato Nacional de Karting, serviu para avivar a memória dos feitos alcançados, conseguindo colocar todos os seus pilotos no pódio, os quais só se deixaram bater por adversários sobejamente mais experientes: dois campeões em título e outro campeão nacional em 2014. Este último, Frederico Castro, foi o opositor de João Dias na categoria X30 Super Shifter Gentleman, destinada a quem tem idade superior a 45 anos.

O piloto insular, ao ser segundo classificado em Palmela, passou a ocupar igual posição no Campeonato Nacional, quando faltar disputar apenas mais uma prova, agendada para 2 e 3 de setembro e que se realizará no KIRO-Kartódromo Internacional da Região Oeste, no Bombarral. Bruno Ponte – que está na Red Line Motorsport desde a sua fundação e já conquistou vários títulos nacionais – não para de surpreender.

Na categoria X30 Super Shifter Júnior, para a qual pontua, dado que ainda tem 16 anos de idade, garantiu a segunda posição e está na vice-liderança do campeonato, apesar de se estrear esta época na categoria, só se deixando bater pelo experiente Yohan Sousa, bicampeão nacional em título.

Mas o piloto do Funchal, ainda se intrometeu no pelotão de quem tem mais 18 anos de idade, ao assegurar o terceiro lugar do pódio, mostrando uma rapidez muito assinalável, sendo exemplo disso o facto da sua melhor volta ter ficado a uns meros 63 milésimos de segundo do experiente Tiago Teixeira, vice-campeão nacional em 2013 e que foi o forte opositor do então campeão nacional Duarte Carvalho, na altura piloto da Red Line Motorsport e que agora já vence corridas na Fórmula Ford Portugal, apesar de se ter estreado este ano a competir nos monolugares.

Se nas classes superiores a Red Line Motorsport está na linha da frente, o mesmo se pode dizer quanto às classes dos mais novos, por intermédio de António Santos. O jovem madeirense que faz este ano a sua estreia na categoria cadete, destinada a pilotos entre os 7 e os 10 anos, entre uma forte e vasta concorrência, depois de ser o terceiro mais rápido nos treinos cronometrados, foi segundo classificado nas duas mangas e garantiu com autoridade o lugar intermédio do pódio na Final, ganha pelo experiente e campeão nacional em título, o luso-espanhol Adrian Malheiro.

Com este resultado no traçado de Palmela, António Santos, a par dos seus colegas de equipa, também passou a figurar na segunda posição do campeonato nacional… e logo na sua época de estreia na categoria Cadete! O futuro continua a promissor…

 

Foto_Antonio Santos em pista Foto_Bruno Ponte em pista Foto_Joao Dias em pista