Lucas Simões estreia-se no Campeonato de Portugal de Ralis e aposta em época de evolução

0

» Aos 23 anos, Lucas Simões é apontado como uma das grandes esperanças dos ralis nacionais e vai estrear-se entre a elite do Campeonato de Portugal de Ralis;
» Jovem piloto de Escudeiros (Braga), navegado por Nuno Almeida, fará o seu primeiro rali de terra com o Hyundai i20 R5, este fim de semana, no Rali Serras de Fafe-Felgueiras-Cabreira e Boticas.

Campeão Norte de Ralis em 2020, já depois de se ter sagrado vice-campeão em 2019, na sua primeira época ao volante de um carro de quatro rodas motrizes, Lucas Simões é apontado como um dos jovens talentos em ascensão no mundo dos ralis em Portugal.

Em 2021, o piloto bracarense apostou no ‘salto’ para o Hyundai i20 R5, com um programa nos ralis de asfalto do campeonato galego, na vizinha Espanha. A experiência permitiu-lhe evoluir em ralis completamente desconhecidos e a nova época, que se inicia este fim de semana, trará um desafio renovado: estrear-se no principal escalão dos ralis nacionais, o Campeonato de Portugal de Ralis.

Acompanhado por Nuno Almeida, Lucas Simões começa o seu programa no CPR no tradicional Rali Serras de Fafe-Felgueiras-Cabreira e Boticas, a sua primeira prova em pisos de terra com o i20 R5.

“Encarámos a época de 2022 como um ano de evolução, já que vamos conhecer o carro em pisos de terra e disputar ralis do CPR, naturalmente mais extensos e competitivos do que os ralis do campeonato Norte”, afirmou Lucas Simões.

“Tanto eu como o Nuno (Almeida) e toda a equipa sabemos que é preciso evoluir de forma consistente, acumular quilómetros em competição sem estabelecer, para já, qualquer meta em termos de resultados. Sou um piloto jovem, tenho feito um percurso ascendente e quero continuar nessa linha de evolução”, referiu o jovem piloto minhoto, que destacou também “o apoio dos nossos parceiros e patrocinadores, que confiaram em mim e no nosso projeto para 2022. Estamos prontos para o início da época, num rali que normalmente tem milhares de espectadores nos troços e do qual guardo boas recordações, pois venci em Fafe e Felgueiras na época em que conquistei o título Norte, em 2020”, recordou.

Pontuável também para o Campeonato da Europa FIA (ERC), o Rali Serras de Fafe-Felgueiras-Cabreira e Boticas começa esta sexta-feira (dia 11), com a Super Especial na cidade de Fafe. No sábado, os concorrentes do Campeonato de Portugal de Ralis disputam oito classificativas de terra: as duplas passagens por Boticas (15,05 km), Cabeceiras de Basto (10,84 km), Vieira do Minho (16,93 km) e Luílhas (11,86 km).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.