Joaquim Rodrigues vence entre as motas no Dakar

0

À terceira etapa, a primeira vitória portuguesa no Dakar’2022. O autor da proeza foi Joaquim Rodrigues Jr., que esta terça-feira foi o mais rápido na especial entre Al Qaisumah e Al Qaisumah, com 255 quilómetros. O piloto da Hero completou a jornada em 2:34.41 horas, deixando o australiano Toby Price (KTM) a 1.03 e o norte-americano Skyler Howes (Husqvarna) a 1.26.

Esta foi a primeira vitória portuguesa numa etapa do Dakar desde a edição de 2016, ano no qual Paulo Gonçalves e Hélder Rodrigues venceram uma tirada cada, isto ainda na América do Sul, mas também a primeira do próprio Joaquim Rodrigues Jr. na competição, marcando também a estreia de triunfos da marca Hero no Dakar, em seis presenças.

Joaquim Rodrigues Jr. manteve um duelo intenso com o australiano Daniel Sanders (GasGas), que acabou por ceder nos quilómetros finais, terminando em quarto, a 2.55 minutos do português. Com estes resultados, o português subiu cinco posições, para o 13.º posto, a 37.43 minutos do primeiro classificado, que continua a ser o britânico Sam Sunderland (KTM), que hoje foi 13.º.

Sunderland lidera com quatro segundos de vantagem sobre o francês Adrien Van Beveren (Yamaha) e 1.30 minutos sobre o austríaco Mathias Walkner (KTM), segundo e terceiros na classificação geral das motas, respetivamente.

Fonte: record.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.