Noite de consagração no Estoril com a Gala dos Campeões 2020/2021

0

Após um obrigatório interregno em 2020 a Gala dos Campeões da Federação de Motociclismo de Portugal regresso no passado Sábado ao fantástico Salão Preto e Prata do Casino do Estoril. Juntando os campeões de 2020 e 2021 a cerimónia que marcou o encerramento oficial da temporada desportiva viu igualmente no palco da sala as selecções nacionais presentes nas diversas competições por equipas realizadas em 2021- em 2020 não se realizaram provas por selecções a nível mundial – tais como os ISDE, MX das Nações, Supermoto das Nações e Trial das Nações, sem esquecer os pilotos que venceram campeonatos a nível internacional e os que participaram em campeonatos do mundo.

Mesmo em situação de pandemia a Federação de Motociclismo de Portugal, os clubes organizadores, pilotos, marcas e equipas realizaram em 2020 um total de 7 campeonatos nacionais e 12 provas internacionais, e em 2021 foram 18 campeonatos nacionais e 13 provas internacionais (13 campeonatos do mundo, 2 taças do mundo e 3 campeonatos europeus).

Após dois anos complicados mas ultrapassados de forma exemplar por toda a comunidade das ‘corridas’ em Portugal, a cerimónia celebrou de forma especial igualmente os novos valores do motociclismo de Portugal, distinguindo de forma independente os pilotos mais jovens – das classes iniciação – que conquistaram títulos nacionais nestes dois últimos anos, num total de 18 pilotos que são também o ‘estmulo’ e a confiança para o futuro. A estes juntaram-se ainda os três pilotos que levaram as cores de Portugal ao quarto lugar na final do FIM MiniGP World Series, Martim Marco, Pedro Matos e Lourenço Vicente.

Como é hábito a FMP homenageou igualmente aqueles que têm dedicado as suas vidas ao motociclismo e nesta Gala dos Campeões foram distinguidos Jorge Ró e Paulo Vicente com os Diplomas de Mérito, recebendo Medalhas de Mérito Pedro Ribeiro, Rui Gonçalves e Ivo Lopes, qualquer um deles com uma vida dedicada ao motociclismo. Presente na cerimónia a conhecida Rita Guerra – que no passado mês de Novembro ‘levantou’ o público nas bancadas do Autódromo Internacional do Algarve quando de forma soberba interpretou o hino de Portugal antes do arranque da prova do Mundial MotoGP aí realizada – transmitiu aos presentes palavras de confiança para o futuro, ela uma reconhecida apaixonada pelas motos e pelo motociclismo.

A noite foi igualmente escolhida por Manuel Marinheiro, o Presidente da Federação de Motociclismo de Portugal, para entregar ao Secretário de Estado da Juventude e Desporto, Dr. João Paulo Rebelo, a Medalha de Mérito Motociclista, sendo também o pequeno discurso do homenageado um dos momentos da noite pela sua simplicidade e boa disposição.

A noite fechou com a habitual foto de família de todos os campeões nacionais, mais de meia centena juntando ambas as temporadas, todos eles desejosos de voltar ao mesmo local dentro de um ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.