Manuel Pinto quer recuperar o ritmo do Ralicross

0

Com a sua segunda corrida de Ralicross da época marcada para o próximo fim de semana, 3 e 4 de julho, Manuel Pinto está bastante calmo.

“Esta é a segunda prova numa modalidade que não faço há muitos anos e com um carro que foi preparado para Rali. Vamos para Sever do Vouga com a certeza de que serão necessários alguns ajustes no ‘setup’ do Astra”. Começou por dizer o piloto de Gondomar, continuando. “A equipa está ciente que este ano é para ir testar e recuperar o ritmo alucinante, característico do Ralicross. Com todas as diferenças e a necessidade de adaptação, vamos para participar, aprender com o carro e com os outros concorrentes”.

Pinto passou muitos anos nos Ralis, na sua volta ao Ralicross notou diferenças significativas. A primeira prova que fez correu bem, o Opel Astra esteve à altura dos acontecimentos, mas algumas coisas foram melhoradas para esta prova.
Com o objetivo de recuperar o ritmo de Ralicross, o piloto estará sempre de olhos postos nos primeiros lugares.

A prova de Sever do Vouga realiza-se sem público nas bancadas, devido ao Covid-19, mas poderá ser acompanhada nas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.