Pirelli faz a antevisão do último G.P. da temporada

0
  • Os pneus mais macios regressam para a corrida final em Abu Dhabi

Porque escolhemos estes compostos?

Depois de uma temporada atípica, cheia de novos circuitos e desafios inesperados, o ano termina num ambiente familiar: com o Grande Prémio de Abu Dhabi. C3 (duros), C4 (macios) e C5 (macios) são os compostos selecionados para esta corrida. Trata-se da mesma escolha do ano passado para esta corrida noturna, que acontece algumas semanas mais tarde, em comparação com 2019.

A superfície da pista é muito macia e quase média em termos de severidade. Estas caraterísticas fazem dos três pneus mais macios da linha P Zero, os mais adequados para o circuito Yas Marina.

Tal como aconteceu no Grande Prémio do Bahrain, as equipas vão testar alguns pneus para a temporada de 2021, durante os treinos livres de sexta-feira. No entanto, ao contrário do Bahrein, será disponibilizado apenas um conjunto de pneus C4 por carro (no Bahrein foram disponibilizados dois conjuntos de C3), que devem ser utilizados apenas no FP2, durante um mínimo de oito voltas cronometradas. Este conjunto soma-se à alocação usual dos fins-de-semana (dois conjuntos de duros, três conjuntos de médios e oito conjuntos de suaves).

Haverá também um teste de pós-temporada, com a duração de um dia, na terça-feira, após o Grande Prémio de Abu Dhabi, dedicado aos pilotos que participaram em menos de dois grandes prémios, mas com algumas exceções notáveis. Este teste será realizado com os atuais pneus de 2020

CARACTERÍSTICAS DO CIRCUITO

A pista de Yas Marina contém uma grande variedade de curvas, tornando-se e um bom desafio tanto para os carros como para os pneus. Com dados extensos e vários testes realizados neste circuito, as equipas já têm uma ideia clara sobre a configuração ideal.

Como a corrida começa às 17h, no meio do mês de dezembro, com o cair da noite as temperaturas da pista vão cair rapidamente ao longo do Grande Prémio, o que afetará o comportamento dos pneus. Em contraste, o FP1 e o FP3 serão realizados à luz do dia.

Há um ano, os dois primeiros classificados em Abu Dhabi (Lewis Hamilton, da Mercedes e Max Verstappen, da Red Bull) completaram a corrida realizando apenas uma paragem (iniciaram com médios e terminaram com duros), enquanto que Charles Leclerc, da Ferrari, realizou uma parada extra para equipar pneus macios e terminar em terceiro.

A maioria dos pilotos parou apenas uma vez, com seis a visitar as boxes por duas vezes. Não haverá corridas de apoio, este ano, em Abu Dhabi, o que afetará a quantidade de borracha depositada ao longo do fim-de-semana e consequentemente a evolução da pista.

MARIO ISOLA – RESPONSÁVEL PIRELLI NA F1

“As equipas estão muito familiarizadas com o circuito de Yas Marina, o que deve lhes permitir extrair o máximo desempenho para decidir as posições finais do campeonato. A volta mais rápida, nos 10 anos anteriores da história da pista, na F1, foi registada no ano passado, durante a qualificação. Será interessante ver se esse registo será batido durante este fim-de-semana. Haverá também ênfase nos testes: tanto com os pneus para 2021, no FP2, que as equipes testaram na sexta-feira, no Bahrein, há quase duas semanas, como no teste de pós-temporada, que acontecerá na terça-feira, após o Grande Prémio de Abu Dhabi. O teste de pneus para a época de 2021 deve fornecer dados muito úteis e o da pós-temporada deve permitir que os pilotos se familiarizem com o carro, para o que será um ano de 2021 muito mais normal.”

OUTRAS INFORMAÇÕES PIRELLI

A ronda final do FIA World Rally Championship, que contará com a Pielli como fornecedor exclusivo a partir do próximo ano, decorreu no Rali de Monza, no último fim-de-semana, recorrendo a partes do famoso circuito do Grande Prémio. Sebastién Ogier foi coroado campeão, Mikkelsen, que terminou no 6º posto, foi o piloto da Pirelli mais bem colocado.

Este fim-de-semana será também palco da ronda final de nove horas do Intercontinental GT Challenge, competição fornecida exclusivamente pela Pirelli, em Kyalami, na África do Sul. A Porsche lidera atualmente a classificação de fabricantes e de pilotos, cortesia de Earl Bamber e Laurens Vanthoor: os vencedores do Spa 24 Horas deste ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.