Nuno Cardoso e 777 conquistam vice-campeonato

0

Nuno Cardoso, que partilha o volante do carro 777 com José Carlos Pires, José Rodrigues, Nuno Pires e António Monteiro da Costa, conquistou em Portimão o vice-campeoanto do Troféu C1 2020, após um terceiro lugar na derradeira corrida do ano, que ficou marcada pela chuva que se fez sentir no circuito algarvio.

O fim de semana não começou da melhor forma na sessão cronometrada, mas os pilotos do 777 voltaram a estar em grande plano nas duas corridas da jornada, acabando por encetar uma excelente recuperação até ao terceiro lugar final.

“O início da qualificação não correu conforme esperado e a chuva que apareceu, ainda antes do meio da sessão, impossibilitou qualquer recuperação. Na corrida tivemos um carro em ótimas condições, resultado do excelente trabalho da Speedy Motorsport e fizemos uma boa recuperação, mas infelizmente não foi suficiente para conquistar o campeonato”, diz o piloto apoiado pela OZ Energia e O Meu Gás.

Em jeito de balanço, o piloto de Vila das Aves não esconde alguma desilusão por ver o título escapar apenas por 2 pontos, mas prefere destacar a prestação da equipa: “Pelo segundo ano fomos uma das equipas em destaque no troféu, o que mostra a nossa rapidez e consistência.

Infelizmente um carro pouco colaborativo no Estoril acabou por hipotecar a conquista do título. Ainda assim, mantivemos uma bela disputa com a G-Tech/RP Motorsport, a quem aproveito para endereçar os parabéns pela vitória final.”

Nuno Cardoso conclui agradecendo mais uma vez o apoio aos seus parceiros de sempre, OZ Energia e O Meu Gás, e dando os parabéns à Motor Sponsor por ter conseguido levar a cabo o troféu num ano tão difícil e a todos os participantes, pelo respeito pelas apertadas regras de higiene e segurança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.