Lewis Hamilton conquista 7° Título com triunfo na Turquia

0

O piloto da Mercedes, Lewis Hamilton, conquistou o título de campeão mundial pela sétima vez. Foi o seu quarto título consecutivo, depois de vencer um incrivelmente complicado Grande Prémio da Turquia. Hamilton usou os pneus Cinturato Blue para chuva, durante oito voltas, e, de seguida, equipou os pneus intermédios Cinturato Green para completar as restantes 50 voltas. O britânico foi um dos três pilotos a realizar apenas uma paragem, juntamente com Sergio Perez da Racing Point e Daniil Kvyat da AlphaTauri.

Excetuando os dois carros da Williams, que começaram a corrida com os pneus intermédios, todos arrancaram com pneus de chuva.

Ao fim de 10 voltas, assistimos a uma enchente de paragens, com os pilotos a equipar pneus intermédios. A maioria viria a efetuar nova paragem para refrescar o jogo de pneus do mesmo composto.

George Russell, piloto da Williams, completou 32 voltas, no seu primeiro stint, com pneus intermédios. Já Hamilton realizou 50 voltas com o composto intermédio, enquanto que Perez registou 48 voltas, sendo que ambos recorreram a esse composto após largarem com pneus de chuva (Wet).

As temperaturas mantiveram-se baixas ao longo de todo o dia, com os valores da pista e da temperatura ambiente a rondar os 13 graus, e com o registo de ocorrência de precipitação antes do início do Grande Prémio. A pista foi secando ao longo da corrida, mas ninguém arriscou pela escolha de slicks, isto porque a pista manteve-se escorregadia e pelo receio de chuva, que, apesar de estar prevista para o final da corrida, nunca se chegou a verificar.

COMPORTAMENTO DOS PNEUS

INTERMÉDIOS: Apesar de utilizados na maior parte da corrida, apenas os pilotos da Williams viram as luzes desligar com este composto. Foi equipado por todos os pilotos para o segundo stint. O desgaste acumulado obrigou vários pilotos a realizar uma segunda paragem, contudo, Hamilton registou 50 voltas com este composto, sendo que, no total, por não se tratarem de pneus novos, foram 53 as voltas realizadas.

CHUVA (WET): Foi a opção padrão de quase todos os pilotos para as primeiras 10 voltas. Alex Albon, da Red Bull, foi quem mais tempo rodou com este composto, registando um stint de 12 voltas.

MARIO ISOLA – RESPONSÁVEL PIRELLI NA F1

“Parabéns a Lewis Hamilton pelo seu sétimo título mundial conquistado em grande estilo, depois de largar da sexta posição, com uma brilhante gestão dos seus pneus, fundamental para garantir o seu lugar na história. Hamilton realizou apenas uma paragem e, efetivamente, transformou os seus pneus intermédios em slicks no final da corrida. Desde o início que era claro que esta ia ser uma corrida muito complicada, onde gerir a largada com pneus molhados e, subsequentemente, lidar com as condições incertas seria crucial, e foi exatamente o que aconteceu. Perceber o ponto de cruzamento foi fundamental, tanto de pneus molhados para intermédios, no início da corrida, como na segunda metade, onde se tornou importante entender se a superfície era capaz de fornecer aderência suficiente para equipar slicks ou se, pelo contrário, a melhor opção era continuar com pneus intermédios. A primeira decisão relevou-se mais simples, tendo em conta os dados de ontem, todavia, decidir o que fazer na segunda paragem foi muito mais complicado com as condições particulares que se verificaram.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.