Pilotos Bluemotor Yamaha celebram em Portalegre

0
  • Luís Engeitado e Martim Ventura campeões nacionais

Dois pilotos do Team Bluemotor Yamaha festejaram na 34ª edição da Baja Portalegre 500 a conquista de títulos nacionais de todo-o-terreno. Na prova disputada no passado fim-de-semana Luís Engeitado celebrou o título de Campeão Nacional Quad enquanto o jovem Martim Ventura reconquistou o título de Campeão na Classe TT1 Moto e renovou o da Classe Júnior.

Pontuando para a Taça do undo FIM de Bajas e para o Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno a 34º Baja Portalegre 500 foi extremamente difícil e exigiu uma logística muito complexa particularmente devido às fortes chuvas que caíram durante o fim-de-semana no distrito de Portalegre. Em consequência destas condições climatéricas adversas a prova foi encurtada substancialmente na sua quilometragem, mas ainda assim a lama e a água em muito complicaram a vida dos pilotos que participaram nesta corrida.

Na competição moto o jovem Martim Ventura, aos comandos de uma Yamaha WR 250 F, reconquistou o título de Campeão na Classe TT1 e revalidou o da Classe Júnior. A corrida não começou da melhor maneira para o jovem piloto da Bluemotor, mas em SS3 Martim Ventura conseguiu já andar ao seu melhor nível encetando uma excelente recuperação. Terminou o setor no terceiro lugar o que lhe permitiu classificar-se no 10º posto absoluto da corrida galgando 10 posições assegurando, assim, os títulos conquistados na derradeira temporada feita com uma moto de 250cc.

Entre os Quad, Luís Engeitado cumpriu o grande objetivo de se sagrar Campeão Nacional em 2020. Um título que conquistou apesar de não ter conseguido terminar a corrida. Ainda nos quad e após 20 anos de ausência o piloto Pedro Vivo participou nesta Baja Portalegre inscrito pela equipa Bluemotor.

Nas motas a equipa contou com o regresso do campeão Daniel Jordão, que devido a uma lesão esteve parado desde março. Mas, a grande novidade residiu na participação do veterano Nelson DJ Vassalo aos comandos de uma Yamaha Ténéré 700. A equipa contou também com a participação do piloto espanhol Jofre Aiguaviva.

Na categoria dos SSV, a dupla formada por Mário Franco e Nuno “Matias” Guilherme começou com a vitória no prólogo para a Taça Yamaha YXZ1000R, posição mantida até ao final do SS2. No entanto, face à quilometragem estipulada para o derradeiro dia de corrida e dadas as condições em que a prova estava a decorrer, a equipa optou por não participar no último setor seletivo da Baja Portalegre 500.

Para o responsável da equipa, Pedro Anselmo: “esta Baja Portalegre 500 foi muito complexa tanto para os nossos pilotos como para as máquinas. O percurso estava repleto de água o que dificultava muito a passagem dos pilotos e afetava muito as máquinas. No entanto, conseguimos vencer as adversidades e neste ano tão atípico conseguimos ter dois campeões o que é sem dúvida um balanço positivo para toda a equipa”, referiu.

A equipa Bluemotor Yamaha regressa às competições já no próximo fim-de-semana onde irá participar na segunda jornada do Campeonato Nacional de Rally Raid em Mação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.