178 pilotos na abertura do nacional de Sprint-Enduro em Cantanhede

0


Com 178 pilotos em prova começou hoje em Cantanhede o primeiro campeonato nacional Sprint-Enduro. Após uma primeira temporada em formato troféu a competição ganhou selo de campeonato nacional e neste primeiro confronto do ano todos os grandes nomes do enduro nacional alinharam na linha de partida para uma prova distinta do enduro mas com muitos ‘pontos’ comuns.

Com um traçado com duas dezenas de quilómetros e duas especiais, a prova realizou-se pela segunda vez e contou com todas as principais figuras do campeonato e também com o regressado Luis Oliveira, de novo na competição após uma longa paragem devido a uma lesão.

Com muito público a acompanhar a prova, e respeitando todas as normas sanitárias de forma exemplar, a caravana sentiu novamente o carinho popular e foram muitos os bons momentos de competição vividos ao longo do dia, cabendo a Diogo Ventura a vitória final entre os 12 pilotos Elite que estiveram em competição. O campeão nacional absoluto 2020 no que ao Enduro diz respeito fechou a corrida com pouco mais de um minuto de vantagem sobre Tomás Clemente, cabendo ao regressado Luis Oliveira a subida ao degrau mais baixo do pódio com um segundo de diferença para Clemente.

Entre os Verdes venceu Felipe Taniko face a Rui Nogueira e Gil Carmo, com Joana Gonçalves a ser a melhor entre as senhoras assegurando a vitória na frente de Rita Vieira e Bruna Antunes. Na lista de vencedores desta ronda inaugural do campeonato figuram igualmente os nomes de Jorge Abreu na Promoção, Eduardo Carvalho nos Super Veteranos e Manuel Moura nos Veteranos.

Um início muito positivo de campeonato que promete animar este final de ano e que promete levar muita competição às três rondas que integram o campeonato.

Calendário

25 de Outubro – Castelo Branco
29 de Novembro – Gouveia
13 de Dezembro – Tábua

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.