Aniversário de sonho para Ivo Lopes no Estoril

0

São já 24 os anos recheados de sucesso e vitórias para Ivo Lopes, que não poderia ter festejado de melhor maneira, depois de um fim-de-semana de sonho no Circuito do Estoril, na quinta prova do Campeonato Nacional de Velocidade. O jovem piloto da Amadora aos comandos da BMW S1000RR, esteve em destaque na primeira corrida agendada para sábado, subindo ao segundo lugar mais alto do pódio, deixando as celebrações para o segundo dia de evento, o dia do seu aniversário, conquistando uma brilhante vitória, na frente de pilotos mundialistas.

Lopes voltou a apresentar um grande ritmo em pista, batendo os seus recordes pessoais nas várias voltas ao traçado do Estoril e aumentando a diferença na tabela de pontos do campeonato de Superbike. Mas, tudo isto exigiu um grande trabalho e empenho de toda a equipa BMW Motorrad Eni, que lidera actualmente a tabela de pontos destinada aos pilotos e equipas. A sessão de qualificação foi a mais rápida e disputada de sempre, numa prova de Campeonato Nacional de Velocidade, com Ivo Lopes a colocar-se na terceira posição da primeira linha da grelha de partida, com Broc Parkes e Sheridan Morais a seu lado, todos no segundo ’40.

Na primeira corrida os pilotos do campeonato mundial de endurance colocaram-se na liderança, até ao momento em que o #75 descolou do grupo dos pilotos nacionais e arrancou no encalço dos líderes. Uma missão cumprida que culminou com a obtenção da segunda posição após uma grande luta até à linha de mta. No domingo, depois do ‘warm up’, Ivo Lopes não deu chances à concorrência desde início, liderando algumas voltas até ao momento em que cometeu um erro, forçando a uma incursão fora de pista, para retomar a corrida algumas posições atrás. Ivo partiu determinado e recuperar a desvantagem e lutar pela liderança até ao final, cruzando a linha de meta na primeira posição, em dia de aniversário. A estrutura lisboeta terá apenas uma jornada pela frente, também no Circuito do Estoril, possível para a revalidação dos três títulos possíveis na categoria SBK.

Ivo Lopes #75

“Viemos para a terceira prova no Estoril muito motivados, a penúltima da temporada e sabíamos que teríamos uma concorrência muito forte, do mundial de Endurance, com o Broc Parkes e o seu colega, o Sheridan Morais. Sabíamos que seriam muito fortes e começámos a trabalhar muito cedo nos ‘settings’ da moto e gostei bastante. Esta é uma das motos que mais gostei de pilotar este ano. Na primeira corrida, arrancámos de terceiro e sabia que poderia rodar com eles. Na terceira volta sofri um problema com a moto, que insistiu em ficar no ‘neutral’, o que me fez perder cerca de três segundos nessa situação. Depois recuperei a diferença e realizei uma das melhores corridas da minha carreira no Estoril, a ser consistente no segundo ’40 durante 12 voltas, volta após volta, nas SBK, algo inédito para mim.

No final da corrida, consegui chegar ao segundo posto, depois de ultrapassar o Sheridan e ainda consegui ultrapassar o Broc, mas em luta “mano a mano”, tive de optar por conservar os pontos, pois eu defendo um campeonato e ele, apenas o fez por uma corrida. A última volta foi fantástica! Quero agradecer aos meus técnicos pois foram fantásticos! No domingo de manhã só rodámos duas voltas no ‘warm up’ pois a pista estava húmida. Apenas confirmámos se estava tudo OK com a moto. Fomos para a segunda corrida preparados, tivemos uma boa moto, alterámos algumas coisas para hoje e sabia que poderíamos ser rápidos. Arranquei bem e consegui chegar à primeira curva na frente da corrida.

Alterei a estratégia pois se não atacasse desde o início, teria de esperar algumas voltas para o fazer. Assim, optei por lutar desde o começo. Consegui ser mais rápido do que no sábado, com voltas consecutivas muito boas. Também sofri um atraso nos últimos sectores do circuito, o que me fez perder tempo e posições, que tive de recuperar. Cheguei a ver a situação difícil, mas consegui superar e inverter o prejuízo. Se pensava que no sábado tinha feito uma das melhores corridas da minha carreira, domingo tive a certeza que não foi essa, mas sim, esta!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.