Miguel Oliveira ao ataque em Brno

0

A caminho de Brno – onde venceu em 2018 – na Républica Checa é com elevada ambição que Miguel Oliveira encara não apenas o próximo GP do campeonato do mundo mas igualmente as três provas consecutivas que irá discutir ao lado da formação da Tech3.

O toque sofrido na primeira curva do GP anterior realizado em Jerez de La Frontera é já passado e o objectivo é claramente manter o mesmo nível de performance evidenciado no arranque do campeonato em Jerez de La Frontera.

‘Estou obviamente muito animado por estar de volta às corridas em tão curto espaço de tempo. Depois do resultado que alcançámos há duas semanas atrás, parece que é o momento da redenção e estou muito desejoso de andar em Brno, que é uma pista que me agrada bastante. No ano passado senti-me muito bem lá e conseguimos pontuar na corrida. Sinto que é uma boa pista para nós no arranque de três excelentes rondas consecutivas que penso serem muito boas para a nossa moto. Quero mesmo começar com um bom resultado em Brno e dar à equipa aquilo que eles deveriam ter tido no segundo Domingo de Jerez.’

O traçado de Brno com os seus 5403 metros de perímetro é um dos circuitos com maior carisma e tradição no campeonato, tendo nascido em 1930 na sua primeira versão, com quase três dezenas de quilómetros desenhados na floresta ao redor da cidade de Brno. A actual versão foi estreada em 1987, tendo sofrido melhorias em 1998 e recebido um novo tapete de asfalto no Inverno de 2007/2008. Conta com 14 curvas, 8 para a direita e 6 para a esquerda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.