André Castro Pinheiro arranca a época 2020 no Algarve

0

Após ter vencido o Troféu na sua categoria H81-Max, André CP está muito motivado para defender o título esta época e cheio de vontade de voltar a soltar os cavalos do seu Jaguar XJS V12, depois deste intervalo forçosamente alargado. O arranque é já no próximo fim de semana – 18 e 19 de Julho – no Autódromo Internacional do Algarve.

A preparação do carro e assistência técnica mantém-se a cargo da excelente equipa da PERES Competições e o projecto volta a contar com o apoio da KAESER Compressores, da FIAAL Jaguar/Land Rover e da FUCHS Lubrificantes.

Após o restauro completo do carro e depois da experiência recolhida nas 9 provas do ano passado, este defeso foi aproveitado para se proceder a algumas correcções e, principalmente, melhorar todo o conjunto da suspensão, dentro do que é permitido em Grupo 1.

Segundo André CP, “depois de tanto tempo parado e desta fase difícil e estranha pela qual estamos todos a passar, estava mesmo a precisar de voltar a conduzir o Jaguar em corrida. Foi mais difícil montar o projecto, mas acredito que é o dever de todos voltar à ‘normalidade’ possível e fazer um esforço para que estes eventos desportivos, sociais e profissionais se realizem. Claro que com novos hábitos e cumprindo todas as normas sanitárias. Fiquei muito feliz e agradecido aos meus patrocinadores – KAESER, FIAAL Jaguar/LandRover e FUCHS – por também partilharem esta visão e voltarem a apoiar este projecto”

Objectivos
Depois do ano de estreia que correu acima das melhores expectativas e terminou com a vitória na categoria H81-Max, o principal objectivo desportivo este ano é renovar esse título e, em termos pessoais, ter o prazer de ver e conduzir este fantástico automóvel em pista, num ambiente de verdadeiros entusiastas e gentleman drivers.

André CP remata que, “depois da extraordinária época do ano passado, este ano quero conseguir tirar melhor partido da performance do Jaguar XJS V12, divertir-me com a condução desafiante deste carro com 300cv e tracção traseira e vencer a minha categoria. Uma vitória à geral seria a cereja no topo…”

O Projecto – Jaguar XJS V12

O automóvel utilizado neste projecto tem um motor de 12 cilindros em V (60º) com 5.343 cc de cilindrada, debitando cerca de 300 cv às rodas traseiras. Foi totalmente restaurado, cumprindo as normas de Grupo 1, e encontra-se em estado de concurso.

Não pretende ser uma réplica dos Jaguar TWR, mas sim evocá-los e trazer à memória aquelas ‘máquinas’ fantásticas, que tanto sucesso tiveram nos anos 80. É o único V12 a correr em Portugal, desde há muitos anos!
Participa com a matrícula original inglesa (ULB 241X), de forma a reforçar a sua identidade e criar o seu próprio palmarés desportivo.

A marca Jaguar, as linhas inconfundíveis deste coupé, o potente motor (V12) e o seu estado irrepreensível tornam este Jaguar V12 num dos grandes destaques das provas de clássicos.

O Piloto – André Castro Pinheiro

Desde sempre com uma paixão por automóveis e corridas, só em 2016 é que André Castro Pinheiro conseguiu alinhar todos os factores necessários a competir neste desporto. E fê-lo de forma audaz, ao se estrear na Fórmula FORD, uma categoria que foi a ‘escola’ de muitos e grandes campeões.

Após 3 anos de muita aprendizagem nesta categoria, em que conseguiu vários podiums e obteve o 3.º lugar final da Rookies Cup (2016 e 2017), decidiu em 2019 passar para os automóveis clássicos, optando pelo Troféu Group 1 e desenvolvendo um projecto de restauro total do Jaguar XJS V12. No ano de estreia venceu 6 corridas na sua categoria e conseguiu vários TOP3 à geral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.