Sentimentos mistos para a MRacing na Baja TT ACP

0

Após o final da “Baja TT ACP Santiago/Grândola”, segunda etapa do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno AM48, o balanço efetuado é misto, com resultados diferentes para as três equipas que foram assistidas pela estrutura técnica da MRacing.

Alejandro Martins e José Marques no Mini John Cooper Works, demonstraram um excelente andamento, rodando de forma consistente nos lugares da frente, como demonstra o terceiro lugar final, numa prova muito difícil e técnica, e onde foram conquistados os primeiros pontos com relevância para o campeonato depois do arranque em Beja em que venceram o prólogo.

Paulo Rui Ferreira e Jorge Monteiro não estiveram isentos de problemas no início da prova, tendo contudo conseguido reagir e recuperar posições até ao final, terminando na nona posição final, um prémio que acaba por premiar o esforço e andamento que conseguiram imprimir na fase final com a sua Toyota Hilux.

Já quanto a Henrique Lourenço e João Lourenço, foram forçados a desistir com a Nissan Navarra, devido a um erro técnico, facto que nos deixou bastante desapontados. Temos de garantir que voltamos mais fortes para a próxima prova, e aspirar que tudo vá correr da melhor forma.

Manuel Russo, responsável pela estrutura técnica da MRacing não quis deixar de “dar os parabéns ao ACP pela prova fantástica que organizaram, uma excelente corrida, terrenos espetaculares, uma corrida que fazia falta e que fazia todo o sentido incluir no nosso campeonato. Estamos já a focar-nos na próxima prova do campeonato com poucos dias de intervalo, portanto, muito trabalho a fazer para nos apresentarmos ao melhor nível.”

Próxima etapa do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno AM48, está agendada para os dias 27 a 29 de Março, com a Baja TT do Pinhal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.