Ford Transit aposta nas novas tecnologias para auxilio ao estacionamento

0

Estacionar um furgão, com mais um metro de comprimento do que um Mondeo Wagon, em ruas ou plataformas de carga muito estreitas e movimentadas, pode ser um pesadelo. E mesmo um pequeno toque a baixa velocidade pode trazer prejuízos à atividade profissional, sob a forma de
tempo de trabalho perdido e custos com reparações, além do potencial aumentar dos custos do seguro, especialmente se envolver terceiros.

O novo Ford Transit acaba com o desgaste e o stress causados pelo estacionamento, com tecnologias avançadas que podem também ajudar a evitar aborrecimento com estacionamento.O novo Ford Transit oferece uma vasta gama de tecnologias para ajudar os condutores a estacionar sem esforço.

A tecnologia Sistema de Estacionamento Assistido da Ford ajuda os condutores do Transit a encontrar uma vaga de estacionamento de tamanho adequado e, em seguida, direciona automaticamente o veículo para o local, tendo o motorista apenas de controlar o acelerador e o travão.

O sistema ajuda a facilitar o estacionamento num espaço em paralelo, tal como uma plataforma de carga ou, na perpendicular, tal como na berma da estrada, bastando que esse espaço de estacionamento tenha apenas mais 0,8 metros de comprimento do que o veículo.

Outras tecnologias adicionais disponíveis no Ford Transit, incluindo Assistente de Estacionamento, Alerta de Tráfego Cruzado, Sistema de detecção lateral* e câmaras grande angulares frontais e traseiras, oferecem um auxílio precioso aos operadores, ao sair de um espaço de estacionamento ou ao manobrar em ambientes urbanos congestionados.

Ford Transit: tecnologias avançadas*

Disponível nos mais recentes modelos Transit e Transit Custom introduzidos durante 2019, a tecnologia Sistema de Estacionamento Assistido funciona usando 12 sensores ultrassônicos ao redor do veículo. O sistema pode estacionar o furgão mesmo em locais sem berma de estrada,
alinhando-se com outros veículos estacionados, e funciona também ao estacionar em locais inclinados.

O Sistema de Estacionamento Assistido inclui Assistente de estacionamento, o qual movimenta automaticamente o veículo de um espaço de estacionamento enquanto o condutor controla o acelerador e o travão.

O sistema Alerta de Tráfego Cruzado da Ford avisa os condutores, ao sair do estacionamento em marcha-atrás, da presença de veículos e bicicletas que podem passar atrás do seu veículo. Além disso, o Sistema de detecção lateral oferece avisos sonoros e visuais de obstáculos que estejam próximos, auxiliando os condutores nas manobras a baixa velocidade.

O Ford Transit pode também receber câmaras grande angulares, colocadas à frente e atrás, que fornecem ao condutor uma visão ampla e detalhada que facilita a deteção de veículos, peões ou ciclistas que se aproximem, em zonas sem visibilidade, tais como cruzamentos, ou à saída de parques de estacionamento ou garagens.

A câmara traseira está montada acima das portas do compartimento de carga, de modo a oferecer melhor visibilidade em marcha-atrás, principalmente com as portas traseiras abertas. Ajudar as empresas dos clientes a prosperar A nova geração de furgões eletrificados e conectados Transit e Transit Custom foi lançada em 2019, e foi desenvolvida para ajudar as empresas a prosperar num ambiente operacional moderno.

O novo furgão Ford Transit de 2 toneladas tem mais capacidade de transporte, utiliza menos combustível e é mais fácil de conduzir e operar do
que nunca, apoiando-se em económicos propulsores diesel EcoBlue, incluindo a tecnologia EcoBlue Hybrid de 48 V, a primeira no segmento,
e sistemas inovadores de ajuda ao condutor.

“Paragens frequentes nas ruas movimentadas da cidade, são o dia-a-dia de muitos condutores de furgões durante uma jornada de trabalho, o que pode ser um problema num veículo de grandes dimensões com visibilidade limitada. Tecnologias Ford como o Active Park Assist, ajudam os condutores e operadores a investir as suas energias no trabalho, perdendo menos tempo com preocupações de estacionamento.” Ian Porter, Engenheiro-chefe do programa Transit

Uma versão melhorada do furgão Ford Transit Custom de 1 tonelada, oferece também os mais recentes propulsores EcoBlue e EcoBlue Hybrid da Ford, juntamente com tecnologias disponíveis em opção, onde se incluem o modem de bordo FordPass Connect, com o qual os operadores poderão maximizar a eficiência e a utilização do veículo.

A gama eletrificada Transit Custom Hybrid, incluindo as versões Transit Custom Plug-In Hybrid e EcoBlue Hybrid, foi eleita Furgão Internacional do Ano 2020. O ano passado foi o melhor ano de vendas de comercias Ford dos últimos 25 anos, e o quinto ano consecutivo da Ford como líder de vendas de veículos comerciais na Europa.**

*Este conjunto de funcionalidades pode estar disponível em opção, com custos adicionais. As funções de ajuda ao condutor são suplementares e não substituem a atenção e as capacidades de decisão do condutor, bem como a necessidade de ser o condutor a controlar o veículo.
** Volumes de vendas para os 20 principais mercados da Ford na Europa, com representação oficial através de companhias nacionais de vendas Os mercados Euro 20 são: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Espanha, Finlândia, França, Grã-Bretanha, Grécia, Holanda, Hungria, Irlanda, Itália, Noruega, Polónia, Portugal, República Checa, Roménia, Suécia e Suíça.

• Transit EcoBlue Hybrid: emissões CO2 desde 143 g/km, consumos desde 5,5 l/100 km NEDC
• Transit Custom EcoBlue Hybrid: emissões CO2 desde 137g/km, consumos desde 5,3 l/100 km NEDC
• Transit Custom Plug-In Hybrid: emissões CO2 desde 60 g/km, consumos desde 2,7 l/100 km NEDC

Os Consumos de Combustível, as Emissões de CO2 e as Autonomias eléctricas declaradas são medidas de acordo com os requisitos técnicos e especificações da Regulamentação Europeia (CE) 715/2007, nas suas mais recentes redacções. Os consumos de combustível e as emissões de CO2 referem-se a uma determinada variante de veículo e não para uma unidade automóvel única.

O procedimento do teste padrão aplicado permite a comparação entre diferentes tipos de veículos e fabricantes. Para além da eficiência de consumos de um automóvel, o comportamento ao volante, bem como outros factores nãotécnicos desempenham um papel na determinação das emissões de CO2 e dos consumos de combustível de um automóvel. O CO2 é o principal gás responsável pelo aquecimento global.

Desde 1 de Setembro de 2017, alguns novos veículos têm vindo a ser certificados de acordo com a norma World Harmonised Light Vehicle Test Procedure (WLTP), segundo a directiva (EU) 2017/1151 na sua mais recente redacção, a qual traduz um novo e mais realístico formato de testes para a medição de consumos e emissões de CO2.

A partir de 1 de Setembro de 2018 a norma WLTP começou a substituir a norma New European Drive Cycle (NEDC), procedimento que vai ser descontinuado. Durante esta Descontinuação Faseada da NEDC, os consumos e emissões de CO2 obtidos segundo a norma WLTP estão a ser comparados com os valores segundo a norma NEDC.

Existirão, por essa razão, algumas discrepâncias face à anterior análise de consumos e emissões, pois alguns procedimentos base dos testes sofreram alterações: por exemplo, uma mesma viatura poderá ter diferentes valores de consumos e de emissões de CO2.

2 Valores oficiais de homologação de consumos e emissões de CO2 serão publicados mais perto da data de comercialização

3 As tecnologias de apoio à condução são suplementares e não se sobrepõem à necessária atenção do condutor, discernimento e necessidade de controlo do veículo.

4 Em regiões onde a legislação o permitir

5 Volumes de vendas para os 20 principais mercados da Ford na Europa, com representação oficial através de companhias nacionais de vendas Os mercados Euro 20 são: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Espanha, Finlândia, França, Grã-Bretanha, Grécia, Holanda, Hungria, Irlanda, Itália,
Noruega, Polónia, Portugal, República Checa, Roménia, Suécia e Suíça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.