Roman vence no Enduro Extreme Gondomar

0

Mário Roman regressa a Portugal e garante a vitória na segunda ronda da competição. Cerca de centena e meia de participantes marcaram presença nesta jornada, disputada ontem na localidade gondomarense de Ferreirinha.

O dia acordou “tímido”, no entanto estavam reunidas todas as condições para mais um grande evento. Um traçado com aproximadamente 18 km´s, 10 zonas espetáculo e um paddock de qualidade. Destaque para esta jornada, que sendo também pontuável para a Copa Ibérica de Extremes, teve uma enorme adesão por parte de pilotos espanhóis.

O “mundialista” Mário Roman não deixou os créditos por mãos alheias e conseguiu vencer de forma isolada. O madrileno imprimiu um ritmo muito forte desde cedo, deixando o vencedor da jornada inaugural – Luis Silva, a mais de dez minutos. O pódio PRO ficou completo com Ni Esteves. Diogo Vieira, atualmente a competir no Mundial de SuperEnduro não teve a sorte do seu lado, pois apesar de ter rodado entre os homens da frente, foi forçado ao abandono ainda no decorrer da segunda volta.

Após duas jornadas, Tiago Oliveira continua invicto na categoria Expert. Já a luta pelas segunda e terceira posições tem sido intensa entre Tiago Sousa e o veterano Joaquim Paz. Desta vez o espanhol levou a melhor e na classificação geral estão agora em igualdade pontual.

Na classe 2T a vitória acabaria por sorrir ao jovem espanhol Anxo Ares. Jorge Moniz foi segundo, tendo o melhor português – Luis Gonçalves, ocupado a terceira posição.

Já nas 4T Filipe Silva levou a melhor. Sérgio Silva não conseguiu repetir o feito da jornada inaugural e viria a ser segundo classificado. Em Ferreirinha, no terceiro lugar acabaria Carlos Portilho.

A classe de Veteranos contou com surpresas. Emanuel Costa conseguiu “destronar” José Ferreira. O vencedor de 2019 acabaria na segunda posição, tendo Mário San Martin Carrillo ocupado o lugar mais baixo do pódio.

A categoria Duplas – pontuável para a Copa Ibérica de Extreme Enduro foi vencida pelos portugueses César Azevedo | Nuno Moreira. O pódio ficou completo por duas duplas espanholas. Adrian de la Fuente| Diego – 2º lugar e Jairo Fernandez| Javier Regal com o 3º lugar.

O dia ficaria ainda marcado pela comemoração da bonita marca de 100 Provas a cargo da Melícias Team. Paulo Moreira em nome da organização, demonstrou uma vez mais o enorme trabalho desenvolvido ao longo dos últimos 20 anos , em prol do desporto motorizado português.

O BORILLI PHES CFL 2020 prossegue já no próximo dia 1 de Março, com a Extreme Valongo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.