Nuno Matos com prestação positiva na abertura do Campeonato de TT

0

• Problemas condicionaram prova
• Piloto foi 6º classificado

Nuno Matos, navegado por Joel Lutas, disputou este fim de semana a prova inaugural do Campeonato Portugal de Todo-o-Terreno, a Baja TT Vindimas do Alentejo.

Um evento onde o piloto mostrou um bom ritmo desde início, sendo, no entanto, condicionado pela mecânica: “Estou satisfeito pelo andamento que demonstrámos quando sem problemas. Hoje estava a ser o terceiro mais rápido no troço, até a situação registada ontem, a perda de potência no motor do FIAT Fullback Proto, se voltar a fazer sentir”, começou por explicar o campeão nacional de 2016.

Tudo aconteceu, à semelhança do dia anterior, a meio da especial, cerca do quilómetro 70, e numa altura em que o piloto discutia o quarto lugar da classificação geral. “Até aí esteve sempre tudo bem, seguíamos a bom ritmo, mas depois o motor voltou a falhar e fui obrigado a levantar o pé para me certificar que conseguíamos levar o carro até ao final sem problemas de maior, o que felizmente aconteceu”, confessou.

A dupla do FIAT Fullback Proto concluiu assim no 8º lugar os 151.61 quilómetros do Setor Seletivo de hoje, logrando conseguir manter a classificação que trazia do dia anterior na geral:

“O 6º lugar acaba por ser positivo e o resultado possível, dado o sucedido. Terminámos a prova e, mais importante de tudo, percebemos que estivemos entre os mais rápidos, o que nos deixa ainda mais motivados para os próximos desafios.”

Nuno Matos deixa ainda uma palavra à equipa: “Muito obrigado a todos, que mais uma vez mostraram um grande espírito, tudo fazendo para nos ajudar a superar as contrariedades próprias do desporto automóvel. Também um obrigado, em particular, ao Joel, por todo o trabalho desenvolvido, ele que me acompanha por dentro nesta aventura.”

“Agora é tempo de regressar a casa e começar desde já a preparar a próxima ronda, que também será inédita no calendário, e tem lugar dentro de um mês, a Baja TT ACP Santiago-Grândola. Vemo-nos lá”, finalizou o piloto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.