Luís “Super” Silva vence Sobreira Extreme

0

Luís “Super” Silva foi o grande vencedor da primeira edição da Sobreira Extreme. Com organização a cargo da Melícias Team, esta primeira jornada do Borilli PHES CFL 2020 contou com uma boa adesão por parte de pilotos portugueses e também espanhóis.

Num formato de voltas e com três horas de duração, a Sobreira Extreme contou com um traçado com cerca de 18 km´s bastante exigentes e com passagens por sítios “batizados” para a Extreme Lagares, como a Rampa do Couce, Eucalipto ou Trialeira da Pegadinha. Ainda durante a manhã, os pilotos enfrentaram um prólogo bastante escorregadio, que ditava a ordem de partida para a derradeira corrida.

Vencendo o prólogo e assumindo desde início a liderança da corrida, Luís Silva viria a vencer esta primeira edição da Sobreira Extreme com mais de cinco minutos para o seu companheiro de equipa – 2º classificado Pro – Ni Esteves. De destacar que apenas estes dois pilotos, conseguiram cumprir quatro voltas a este traçado. O terceiro nesta categoria foi Ricardo Parente – vencedor da classe 4T em 2019.

Na Expert, desta vez a luta foi entre portugueses, tendo Tiago Oliveira levado a melhor, diante de Tiago Sousa (+2min). Na terceira posição ficou o veterano espanhol Joaquín Paz.

Nos Veteranos, José Ferreira voltou às vitórias. O título de 2019 espelha bem o seu bom momento de forma e na Sobreira, Ferreira lutou mesmo pelo pódio na classificação geral. No segundo lugar, ficou Mário San Martin Carrillo, tendo César Vieira amealhado a terceira posição.

Pedro Moreira já esqueceu o azar no Enduro das Regiões e nesta extreme levou a melhor na classe 2T. Na segunda posição mas já a cerca de 15 minutos ficou Luís Gonçalves, tendo Álvaro Mouta ficado no terceiro lugar.

Já na classe 4T a vitória “sorriu” a Sérgio Silva, tendo José Moreira terminado no segundo lugar e Filipe Pigasso Neves fechou o pódio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.