Fausto Mota sobe posições no Dakar da Arábia Saudita

0
  • Piloto da XRAIDS TEAM foi 9º da classe Maratona

Depois de um arranque cauteloso, Fausto Mota que ainda se está a ambientar às pistas da Arábia Saudita concluiu hoje a segunda etapa, a jornada supermaratona, da 42ª edição do Rali Dakar que ligou Al Wajh à cidade de Neom em 9º lugar da classe Maratona. O piloto inscrito pela XRAIDS TEAM com o dorsal 38 subiu ainda, duas posições na classificação geral absoluta.

Aos comandos de uma Husqvarna FR450 Rally, Fausto Mota, que se encontra radicado em Espanha há já alguns anos gastou 04h46m43s a disputar os 367 km cronometrados da especial do dia. Registou o 48º tempo, melhorando assim a sua marca à geral entre as motas. Sobe para 50º.

O piloto apoiado pela Tamega e pela Lyrsa fez uma etapa sem registo de quaisquer contratempos e afirma sentir-se mais confortável nas pistas da Arábia Saudita “foi uma etapa longa, mas correu tudo bem, sem quaisquer percalços. Gostei muito do percurso do dia. Perdi-me um pouco agora na parte final, mas não foi nada de significativo. Estou mais à vontade, um pouco mais confiante para continuar. Estamos noutro continente e é sempre preciso alguma prudência no arranque. Hoje foi a segunda etapa e ainda há muita corrida pela frente”, revela Fausto Mota à chegada de uma especial que por ser supermaratona foram apenas concedidos 10 minutos aos pilotos Moto e Quad para reparação e manutenção na chegada ao bivouac em Neom.

Amanhã, dia 7 de janeiro, disputa-se a terceira etapa e a primeira em loop em torno da cidade de Neom. Por entre montanhas e vales e ao longo de um tapete de areia, os pilotos serão conduzidos junto à fronteira com a Jordânia. Será nesta especial 404 km cronometrados que o Dakar alcançará o seu ponto mais alto: 1.400 metros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.