Bosch completa portfólio de sensores para a condução autónoma

0
  • Harald Kroeger: “Ao preencher a lacuna do sensor, a Bosch está, em primeiro lugar, a tornar a condução autónoma uma possibilidade viável.”
  • A tecnologia da Bosch abrange todos os casos de uso da condução autónoma.
  • O sensor lidar de longo alcance da Bosch será a primeira solução adequada para uso automóvel.

As coisas boas vêm em três – e para a condução autónoma isso não é exceção. Para que a condução autónoma segura possa ser uma realidade, além da câmara e do radar é necessário um terceiro princípio de sensor. Nesse sentido, a Bosch está a preparar sensores de longo alcance para produção – o primeiro sistema lidar (deteção e alcance da luz) adequado para uso automóvel. Esta tecnologia de medição de distância baseada em laser é indispensável para as funções de condução nos níveis 3 a 5 da SAE. O novo sensor da Bosch cobrirá faixas de longa e curta distância em autoestradas e na cidade. Ao explorar economias de escala, a Bosch quer reduzir o preço da tecnologia sofisticada e torná-la adequada para o mercado de massa. “Ao preencher a lacuna do sensor, a Bosch está a tornar a condução autónoma uma possibilidade viável”, afirma Harald Kroeger, membro do conselho de administração da Bosch.

A tecnologia da está alerta para todas as situações da condução autónoma

Somente a implementação paralela de três princípios de sensores garante que a condução autónoma oferece segurança máxima. Isso mesmo foi confirmado pelas análises da Bosch, onde os especialistas investigaram todos os casos de uso das funções de condução autónoma – desde a assistência na autoestrada à condução totalmente autónoma nas cidades. Por exemplo, se um motociclo se aproxima de um veículo autónomo em alta velocidade num cruzamento, além da câmara e do radar, o lidar é necessário para garantir a deteção fiável do veículo de duas rodas. Nesse caso, o radar pode ter dificuldade em detetar a silhueta estreita do motociclo e as carenagens de plástico, por sua a vez a câmara pode ser ofuscada pela luz forte que recai sobre ela. Como tal, é necessário o radar, a câmara e o sensor lidar, estas três tecnologias complementam-se de forma perfeita, fornecendo informações confiáveis em todas as situações de condução.

Segurança a triplicar: Bosch completa portfólio de sensores para a condução autónoma

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.