Azar acaba com as aspirações ao título de Henrique Chaves

0

Henrique Chaves teve hoje um dia frustrante em Monza, onde se disputou a primeira corrida da sétima e última ronda do International GT Open deste ano, abandonando logo na segunda volta e perdendo todas as possibilidades de lutar pelo título.

A manhã até começou bem para o duo do McLaren 720S GT3 da Teo Martín Motorsport, tendo Martin Kodric assegurado o segundo lugar da grelha de partida, após uma intensa batalha com o rival na luta pelo título – Albert Costa, piloto do Lamborghini Huracan que divide com Giacomo Altoè – prometendo mais um duelo para a prova vespertina.

O croata arrancou bem, mantendo o segundo lugar, mas na aproximação à primeira chicane deu um ligeiro toque no carro que seguia à sua frente, partindo o “splitter” dianteiro e os apoios do capot frontal que voou pouco depois. Em desvantagem, uma vez que a aerodinâmica da sua máquina de Woking ficou comprometida, perdeu velocidade de ponta, uma característica de máxima importância em Monza.

Martin Kodric ainda tentou prosseguir, mas perdeu inúmeros lugares, tendo acabado por ser obrigado a parar nas boxes no final da segunda volta. O abandono foi inevitável, uma vez que era impossível fixar um novo capot dianteiro.

Este desfecho teve como consequência o fim das aspirações ao título da dupla do McLaren 720S GT3 número cinquenta e nove numa corrida em que tinha tudo para vencer, dado que não tinha handicap, ao contrário dos seus principais adversários. “Não há muito a dizer! Foi um toque como tantos outros que não sugeria um desfecho tão negativo. Foi frustrante, uma vez que estávamos em excelentes condições para vencer a corrida de hoje e com estes resultados perdemos qualquer possibilidade de lutar pelo título”, afirmou Henrique Chaves que não chegou sequer a pilotar este sábado.

Com o resultado desta tarde, Henrique Chaves, tal como o seu colega de equipa, está afastado da discussão do título deste ano do International GT Open. Ainda assim, o piloto de Torres Vedras, que este ano se estreia na exigente categoria GT3, não baixa os braços, estando determinado em lutar pelo Vice-Título e pela vitória na prova de amanhã. “Vamos dar o máximo para terminarmos o campeonato em alta. Vou bater-me pela pole-position e, na corrida, vamos lutar para vencer e, dessa forma, procurar conquistar o segundo lugar no Campeonato de Pilotos. Não será fácil, uma vez que os nossos adversários terão de terminar fora do pódio, e estão muito competitivos aqui em Monza, mas hoje tivemos azar, pode ser que amanhã tenhamos a sorte do nosso lado. Vamos à luta”, concluiu com motivação o português.

A segunda corrida do fim-de-semana do Autodromo Internazionale di Monza terá o seu início às 13h55, Hora de Portugal Continental, e poderá ser seguida em directo através do website da competição e da Sport TV5. A qualificação será disputada a partir das 09h05.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.