Sexta linha para Miguel Oliveira em Buriram

0

Aos comandos da sua KTM RC16 Miguel Oliveira conseguiu hoje em Buriram na Tailândia a 17ª posição na qualificação para o GP da Tailândia em MotoGP. Curtas oito décimas separaram o piloto português do acesso à segunda fase da qualificação, aquela que define as quatro primeiras linhas da grelha de partida.

Após uma terceira sessão de treinos livres realizada com a pista molhada onde foi o 10º mais rápido, na quarta e última sessão de treinos livres, que antecedeu a qualificação, Miguel Oliveira voltou a ser o 19º com a KTM da Tech3, a apenas 1 segundo e meio do mais veloz.

Na qualificação, realizada com piso seco e com 28 graus de temperatura ambiente, Miguel Oliveira foi o sétimo depois de assinar a sua melhor volta do fim-de-semana com 1´31.499 a apenas 814 milésimas do primeiro lugar. Uma prestação condicionada por uma falha no travão traseiro da sua moto e que o coloca na 17ª posição da grelha de partida para o GP da Tailândia a realizar amanhã no Chang International Circuito em Buriram na Tailândia.

‘Foi um Sábado de qualificação um pouco atípico. Fizemos a primeira sessão com chuva, na FP4 fizemos um bom trabalho e experimentámos uma afinação nova na moto de que gostei bastante mas na qualificação simplesmente fiquei sem travão traseiro, o que me limitou bastante. Este problema já surgiu anteriormente e apesar de todos os esforços da equipa ainda não o conseguimos solucionar. Amanhã vamos experimentar outras soluções propostas pela Brembo para tentar resolver este problema que neste momento me impede de conseguir andar mais rápido e retirar todo o potencial da moto.’

O GP da Tailândia realiza-se amanhã a partir das oito horas da manhã (hora de Portugal Continental) com 26 voltas aos 4.554 metros do circuito onde no passado ano Miguel Oliveira foi terceiro na corrida do mundial Moto2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.