Pirelli faz a antevisão do G.P. de Singapura

0

A Fórmula 1 abandona a Europa e liga as longas retas de Monza com a única prova totalmente noturna do ano – Singapura. A Pirelli disponibilizará para o circuito com mais curvas da temporada (23), os três compostos mais macios da gama P Zero Fórmula 1: C3 (duro, com flanco em branco), C4 (médio, amarelo) e C5 (macio, vermelho).

O Marina Bay é um traçado de perfil stop & go e oferece um nível de aderência muito baixo, o que obriga as equipes a aplicar afinações de elevada carga aerodinâmica para ajudar a aumentar as velocidades nas curvas. Estamos perante a segunda volta mais lenta do ano, uma estatística em que apenas o circuito do Mónaco supera.

CARACTERÍSTICAS DO CIRCUITO

A nomeação de compostos é praticamente idêntica à de 2018, quando se optou por compostos macio, ultramacio e hipermacio. Nesta ocasião, os pneus adaptaram-se perfeitamente a uma corrida exigente, na qual Lewis Hamilton em Mercedes impôs-se com uma estratégia de apenas uma paragem (hipermacio-Macio), embora outras táticas alternativas fossem vistas.

Singapura tem 100% de probabilidade de entrada do Safety Car em pista, como consequência da própria natureza do traçado e dos muros que não perdoam erros. Toda a estratégia deve ser suficientemente flexível para capitalizar as oportunidades que abrem as interrupções pelo Safety Car.

O circuito é utilizado para fins competitivos apenas uma vez por ano, permanecendo o resto dos dias abertos ao tráfego. Portanto, há uma grande evolução do asfalto, embora alguns elementos da via publica, como esgotos ou as marcações de estradas, possam alterar os níveis de aderência em algum momento.

A humidade e o calor aumentam o esforço dos motores, aos quais se juntam às escassas opções de arrefecimento dos mesmos, pelo próprio layout da pista.

A noite do Grande Prémio neutraliza as normais amplitudes de temperatura entre a manhã e a tarde de outras provas. Contudo, algumas sessões de treinos livres são realizadas muito cedo para recolher as referências precisas para a prova.

MARIO ISOLA – RESPONSÁVEL PIRELLI NA F1 E COMPETIÇÃO AUTOMÓVEL

“É difícil encontrar um contraste tão grande entre os circuitos de Monza e Singapura, para que as equipes façam um importante” reset “antes de enfrentar o primeiro compromisso da reta final do campeonato. Os desafios de Singapura são bem conhecidos entre todas as equipes, então já sabem o que esperam antes de entrar em pista na sexta-feira. O passado mostrou-nos que a corrida oferece margem ao considerar a estratégia a adoptar, considerando isso sim, a dificuldade de avançar em Marina Bay. Portanto, as equipes devem estudar minuciosamente as oportunidades de aproveitar as táticas de pit stop. Especialmente, se considerarmos a elevada probabilidade de aparecerem os safety cars, factos que podem transformar completamente a corrida. Será interessante ver se algum piloto ousa classificar-se com pneus médios em vez de de macios, o que iria acrescentar flexibilidade à sua tática para domingo, se observarmos as múltiplas variáveis​​em jogo. Houve escolhas de conjuntos de pneus muito diferentes entre os pilotos, para que pudéssemos enfrentar várias abordagens táticas neste fim-de-semana.”

OUTRAS INFORMAÇÕES PIRELLI

A Pirelli completou com êxito em Paul Ricard – França, o seu primeiro teste com pneus de Fórmula 1 de 18”, com Sergey Sirotkin num Renault. Ao mesmo tempo, Esteban Ocon ao volante de um Mercedes realizou um teste de desenvolvimento com os pneus de 13” de 2020.

A Lamborghini e a Mercedes obteram um titulo para cada um no campeonato Blancpain GT World Challenge. Os pilotos da formação Italiana, Marco Mapelli e Andrea Caldarelli, venceram na competição reservada aos pilotos, enquanto a equipa Black Falcon Mercedes venceu por equipas.

A única empresa de automóveis citadinos monolugares que conta o fornecimento exclusivo da Pirelli, a Britânica BAC, recentemente solicitou a sede da marca Italiana para comemorar a construção da sua unidade numero 100. Desde o inicio de este ano, o BAC Mono será entregue equipado com pneus P Zero Trofeo R, pneus de Track day com homologação para utilização em estrada e que possuem tecnología de Fórmula 1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.