Carlos Fernandes voltou a discutir vitória na Peugeot Rally Cup Ibérica

0

Tal como no Vodafone Rali de Portugal, Carlos Fernandes voltou a ser um dos grandes protagonistas da Peugeot Rally Cup Ibérica no Rali Terras D’Aboboreira, disputado no asfalto de Baião, Amarante e Marco de Canaveses. Piloto navegado por Bruno Abreu venceu três especiais e terminou no 2.º lugar da competição.

Depois de vários títulos conquistados ao volante do Mitsubishi Lancer Evo VI, Carlos Fernandes continua a demonstrar o seu talento ao volante do Peugeot 208 R2 de duas rodas motrizes, desta feita na Peugeot Rally Cup Ibérica, onde o piloto de Sintra tem estado em evidência. No Vodafone Rali de Portugal, só um problema na direção o impediu de chegar à primeira vitória da época, e desta feita, no Rali Terras D’Aboboreira, em troços que não conhecia, Carlos Fernandes voltou a discutir o primeiro lugar com uma forte concorrência ibérica. No final, o 2.º posto acaba por ser um resultado positivo e que o leva a subir posições na classificação do troféu.

“Voltámos a mostrar o nosso andamento num troféu mesmo muito competitivo”, analisou Carlos Fernandes. “Não entrámos no rali com o melhor set-up, mas fomos evoluindo ao longo da prova e ganhámos três troços. Foi pena uma escolha errada nos pneus traseiros que nos impediu um ataque final. Mas acaba por ser mais um resultado positivo e voltámos a estar na luta pela vitória. Obrigado ao Joaquim Batalha, ao Rodrigo Simões e a toda a equipa Inside Motor pelo trabalho feito no carro. Obrigado também à minha equipa, aos meus amigos e patrocinadores. Vamos tentar reunir condições e disponibilidade para disputarmos o Rali da Catalunha. Seria uma experiência fantástica”, referiu o piloto de Sintra.

O Rali RACC – Catalunha, integrado no WRC, será a penúltima prova da Peugeot Rally Cup Ibérica, sendo realizado entre os próximos dias 24 e 27 de outubro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.