Filipe Nogueira com boas expetativas em ‘casa’

0

Nos próximos dias 6 e 7 de setembro a caravana do Campeonato de Portugal de Ralis consumará a sua 7ª prova da época, com o Rali Terras D’Aboboreira, regressando ao ‘continente’ após o round pela ilha da Madeira.

A correr em casa, Filipe Nogueira prossegue assim a sua participação no expoente máximo dos ralis em Portugal, estando ainda inserido na Peugeot Rally Cup Ibérica, a competição de sucesso da Peugeot Portugal e Espanha, que muitos e bons talentos tem ‘confirmado’ nestes 2 anos de existência.

A prova em piso de asfalto marca o regresso do atual segundo classificado entre os RC4 ao competitivo Peugeot 208 R2, apesar de ser a sua primeira ‘aparição’ com o carro da marca francesa nos pisos de asfalto.

O piloto que será acompanhado por João Vieira aguarda com grande expetativa a prova da sua terra. Como adiantou o piloto de Baião – “Sendo o rali da terra, é sempre um grande orgulho poder correr junto daqueles que mais torcem por nós.”

Desportivamente focado no Campeonato de Portugal de Ralis 2 Rodas Motrizes e nos RC4, o piloto da Proteu Rally Team salienta ainda que – “será a nossa primeira prova com o Peugeot nos pisos de asfalto e apesar de ser uma prova de adaptação, queremos como sempre dar o nosso melhor, conquistando um bom resultado desportivo de forma a dignificar sempre os nossos parceiros no projeto”.

Numa época de evolução e de aposta numa nova máquina, Filipe Nogueira está no top 5 entre as 2 rodas motrizes, sendo sempre um dos candidatos aos lugares do pódio. “temos vindo a evoluir passo a passo e voltamos a focar-nos num bom resultado quer no CPR 2 RM e nos Rc4, quer na Peugeot Rally Cup ibérica, competição monomarca de referência em termos ibéricos, sendo um privilégio voltar a fazer parte deste plantel de grandes nomes”.

Tendo sido uma prova de referência na época de 2018, Filipe Nogueira deixa ainda uma palavra ao Clube Automóvel de Amarante, “desejando o maior sucesso nesta edição, pois aproveitam uma zona com bastante potencial para esta atividade e num trabalho de excelência em conjunto entre estes municípios e o CAM na sua promoção, tornaram este evento numa prova de referência”

A prova conta com um total de 370,94 kms, sendo 104,30 divido pelas 10 provas especiais de classificação, Rio Tâmega, Super Especial de Baião, Marco Rios de Emoção, Baião Vida Natural, Carvalho de Rei e por último Marão. O pódio final está previsto para as 19h40 em Baião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.