Charles Leclerc estreia-se a vencer na F1

0

Charles Leclerc conseguiu hoje a sua primeira vitória na F1. Num fim de semana marcado por um clima de enorme tristeza pela morte trágica de Anthoine Hubert, o jovem piloto da Ferrari foi um dos que mais sentiu esta tragédia devido à sua proximidade com o francês de 22 anos. Amigo de Hubert, Leclerc homenageou-o no carro e no capacete este Domingo no GP da Bélgica.

Leclerc largou da pole, dominou boa parte da prova, chegou a ser superado por Sebastian Vettel após a paragem nas boxes, mas o seu ritmo era muito melhor que o do alemão. Após ordem da Ferrari para a inversão de posições, o monegasco reassumiu a liderança até ao final e subiu no topo do pódio da F1 pela primeira vez.

Foi também a primeira vitória da Ferrari na temporada e o primeiro triunfo de um piloto monegasco na F1. O Principado é o 23º país a ter a sua bandeira hasteada no topo do pódio do Mundial.

Lewis Hamilton fez uma grande corrida, levando em conta a superioridade dos carros da Ferrari em relação à Mercedes, sobretudo nas zonas de reta de Spa-Francorchamps. O pentacampeão conseguiu uma boa performance com os pneus macios, na segunda parte da corrida, fez a ultrapassagem a Vettel e chegou a aproximar-se de Leclerc nas voltas finais para terminar na segunda posição, a apenas 0s451 de Leclerc. Valtteri Bottas colocou o segundo carro da Mercedes no pódio concluindo a corrida no terceiro lugar.

Vettel completou mais uma corrida sem vencer e foi o piloto que mais sofreu com a falta de performance dos pneus médios, uma vez que parou mais cedo que Leclerc, Hamilton e Bottas. Sem ritmo, sobretudo nas voltas finais, Vettel acabou por ter de fazer um segundo pit-stop para colocar pneus macios e ir até o fim da prova, finalizando em quarto. Lando Norris estava a ser um dos melhores da prova, mas abandonou na última volta, quando era o quinto.

Quem fechou o top-5 foi Alexander Albon, na sua primeira corrida pela Red Bull, depois de ter ultrapassado Sérgio Pérez, o sexto, na última volta. Daniil Kvyat também fez uma bela prova para finalizar em sétimo, seguido por Nico Hülkenberg e Pierre Gasly, este no seu regresso à Toro Rosso. Lance Stroll agarrou um ponto e foi o décimo depois do abandono de Norris, eleito como o ‘Piloto do Dia’ deste Domingo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.