Esapekka Lappi e Citroën em segundo na Finlândia

0

Posicionando-se entre os grandes protagonistas da Etapa de sábado, tendo vencido duas Especiais, Esapekka Lappi e Janne Ferm ascenderam ao segundo lugar à Geral, estando agora na posição ideal para garantir o oitavo pódio do WRC C3 desta temporada. Apesar de adoentado durante a noite, Sébastien Ogier conseguiu, contudo, recuperar duas posições e encerrou o dia no quinto posto. Ogier e Julien Ingrassia têm agora os olhos postos no quarto lugar.

Numa combinação de Especiais míticas e ultra-rápidas (Päijälä e Kakaristo) com outros troços mais técnicos (Leustu e Pihlajakoski) – o último com quase 10 km totalmente novos – o segundo dia do Rali da Finlândia tinha tudo para ser o mais difícil do fim de semana. A sua extensão (132,98 km de troços cronometrados) e as muitas dificuldades pelo caminho apenas serviram para intensificar a luta nos lugares da frente.

Perante estas duras condições, Esapekka Lappi e Janne Ferm realizaram, mais uma vez, uma talentosa e magistral performance aos comandos do seu C3 WRC. Pressionando eficazmente a formação segunda classificada durante as passagens da manhã – foram os segundos mais rápidos por duas vezes – Lappi e Ferm aumentaram novamente de ritmo durante a tarde. Em total harmonia com o C3 WRC nestas estradas, que exigem total confiança total ao volante, os finlandeses venceram a primeira Especial da tarde (ES16) e ascenderam ao segundo lugar, assumindo também o primeiro lugar ‘honorário’ entre as formações finlandesas, sempre altamente motivadas por correrem em casa. Posteriormente, Lappi e Ferm preocuparam-se em consolidar a sua posição ao longo do resto do dia, registando outra vitória na Especial de Kakaristo (18,70 km), a versão moderna da lendária Especial de Ouninpohja. Agora com 12,4s de vantagem sobre o seu rival mais próximo, e a 16,4s do líder, os jovens escandinavos partem para curta 3ª Etapa de amanhã em boa posição para igualar aquele que é, até agora, o seu melhor resultado com a Citroën (2º lugar na Suécia).

Decididamente em baixo de forma depois de uma noite em branco com problemas de enjôo, Sébastien Ogier – impecavelmente apoiado pelo seu leal navegador Julien Ingrassia – manteve-se, não obstante, determinado em alcançar o seu objetivo de subir na classificação. Os esforços dos sêxtuplos campeões do mundo foram recompensados, tal como eles previram, progredindo do sétimo para o quinto lugar à Geral na terceira Especial do dia. Ogier e Ingrassia conseguiram até, por breves momentos, estar na quarta posição durante a parte da tarde, após obterem o segundo melhor tempo na ES16, dando provas do seu inabalável empenho e da competitividade do C3 WRC neste evento. Embora incapazes de segurar o quarto lugar até ao final da Etapa, podemos ter a certeza de que Sébastien vai aproveitar a noite para descansar e recarregar as baterias, antes de tentar partir para anular os 2,6s que o separam da recuperação do quarto lugar.

Domingo será um dia bastante curto (45,74 km em quatro Especiais). A última Etapa final parece ter tudo definido para proporcionar novamente muita ação. O destaque será, sem dúvida, a impressionante e ’interminável’ sucessão de saltos em Ruuhimäki, um dos maiores desafios de condução para os pilotos de ralis.

O QUE ELES DISSERAM…
Pierre Budar, Diretor da Citroën Racing
“O Esapekka e o Janne fizeram, mais uma vez, uma Etapa perfeita, conseguindo melhorar a sua posição na classificação após um dia de competição extremamente intenso. Além da sua indesmentível rapidez, eles fizeram uma excelente gestão da corrida e mostraram maturidade, forçando o seu andamento sempre que havia oportunidade. Terminar no pódio no ‘seu rali’ seria uma excelente recompensa pelo seu forte desempenho. O Sébastien não tem de ficar abatido com a sua prestação, tendo em conta o seu estado adoentado. Estou certo de que amanhã, juntamente com o Julien, ele vai dar absolutamente tudo para, como sempre, conseguir registar o máximo número de pontos possível.”

Sébastien Ogier, Piloto do Citroën Total WRT
“Estou feliz por ter chegado ao fim da Etapa, porque, esta tarde, senti-me mesmo sem energia. Na verdade, mal posso esperar por uma boa noite de repouso. Tive de me esforçar imenso ao longo de todo o dia para terminar a Etapa sem cometer erros, e, por vezes, foi mesmo muito difícil manter a concentração. Amanhã é outro dia e espero conseguir recuperar o suficientemente esta noite para estar à altura dos acontecimentos e lutar até ao fim.”

Esapekka Lappi, Piloto do Citroën Total WRT
“Foi, obviamente, um dia muito positivo para nós. Depois do que aconteceu nas passagens da manhã, estava a contar com algumas dificuldades nas segundas passagens nestas Especiais de estradas largas e rápidas, mas dei tudo o que tinha e, pelos vistos, esta atitude tem resultado, pelo menos até agora. Encontramos o equilíbrio certo para andar depressa sem ultrapassar os limites de cada Especial ou adotar trajetórias mais arriscadas. Amanhã, vou manter este mesmo ritmo e estou absolutamente determinado em garantir o resultado.”

RALI DA FINLÂNDIA 2019
CLASSIFICAÇÃO GERAL APÓS 2ª ETAPA

  1. Tänak / Järveoja (Toyota Yaris WRC) 2:08:49.4
  2. Lappi / Ferm (Citroën C3 WRC) +16.4
  3. Latvala / Anttila (Toyota Yaris WRC) +28.8
  4. Mikkelsen / Jaeger (Hyundai i20 WRC) +50.5
  5. Ogier / Ingrassia (Citroën C3 WRC) +53.1
  6. Breen / Nagle (Hyundai i20 WRC) +59.1
  7. Neuville / Gilsoul (Hyundai i20 WRC) +1:19.3
  8. Suninen / Lehtinen (Ford Fiesta WRC) +2:05.3
  9. Greensmith / Edmondson (Ford Fiesta WRC) +4:09.7

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.