Corridas animadas no Group1 Portugal em Pau

0
  • Gérard Lascaux vence primeira corrida de domingo
  • O português Miguel Ribeiro consegue a sua primeira vitória no Grand Prix de Pau Historique na segunda corrida do dia
  • Dia começa com céu algo cinzento, mas sem chuva para satisfação dos presentes.

O segundo dia de corridas na pitoresca cidade de Pau, com os Pirineus como pano de fundo, começou com o céu algo cinzento, mas sem chuva para satisfação dos Pilotos. Gérard Lascaux, a correr “em casa” com o seu BMW 3.0 CSI, venceu a primeira corrida do Group1 no Grand Prix de Pau Historique. Nuno Nunes em Porsche 924 Turbo, fez uma prova sempre a recuperar posições, saindo apenas da 6ª posição. Quando já era um tranquilo segundo classificado, um azar mecânico já nos minutos finais obrigou-o a desistir.

Quem aproveitou este infortúnio foi Nuno Dias, que mantendo a consistência dos treinos cronometrados, acabou por subir ao 2º lugar do pódio, depois de ter estado em 3º durante praticamente toda a prova. Atrás de si, seguia João Miguel Ribeiro em Alfa Romeo Giulia, que tentou
durante toda a prova apanhar o pequeno Fiat 127 Abarth sem sucesso, acabando por ficar em 3º lugar.

Na categoria Production Cup, Francisco Freitas esteve sempre na liderança, com João Posser em 2º lugar que realizava o sonho de correr no circuito citadino de Pau. Já Diogo Ferrão acabou por desistir aos 15 minutos de prova com problemas mecânicos. Guilhermo Dal Maso, com um Mini de Trofeu terminou na sexta posição prometendo na segunda corrida fazer melhor.

Na segunda corrida da competição, Gérard Lascaux e o seu BMW 3.0 CSI, que tinha vencido a primeira prova do dia acabou por não alinhar, assim como Nuno Nunes em Porsche 924 Turbo. A luta foi então decidida entre os irmãos Dias em Fiat 127 Abarth e Miguel Ribeiro em Alfa Romeo Giulia. O pequeno Fiat iniciou a partida na frente, mas sempre a tentar o seu alcance tinha o Alfa, que acabou mesmo por ultrapassá-lo e garantir assim a primeira posição durante o resto da corrida e o lugar mais alto
do pódio.

O jovem Guilherme Dal Maso, ao volante do Mighty Mini que tinha terminado em 6º lugar na primeira corrida, conseguiu alcançar o 3º lugar. Seguido de João Posser em Datsun 1200 ex-trofeu e Francisco Freitas, que após penalização por Drive through acabou por cair para último lugar.

Para Diogo Ferrão, organizador da competição, a estreia do Group1 em Pau será especial: “Depois dos treinos em condições muito difíceis, hoje foi um dia ideal para a prática da modalidade e onde estes carros estão muito à vontade, pois exig mais do Piloto e menos da potência dos carros. A junção com os Maxi 1300 Franceses tornou cada corrida ainda mais emocionante com vários NSU, Simca e Ginettas que se juntaram a esta grande festa que é o Grand Prix de Pau Historique”.

O Group1 Portugal volta às pistas a 15 e 16 de Junho para o Jarama Classic.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.