Recorde de Nürburgring para o novo Renault MÉGANE R.S. TROPHY-R

0


O Renault MÉGANE R.S. TROPHY-R «assinou» um novo tempo de referência 7m40,100s no Nordschleife, na categoria modelos de série de tração dianteira, perpetuando a paixão pelo desafio e pelo desempenho que anima, desde há 15 anos, a Renault Sport em torno do Mégane R.S.

O Renault MÉGANE R.S. TROPHY-R é equipado com o mesmo motor de 300 cavalos do Mégane R.S. Trophy e o melhor desempenho advém da redução do peso (até 130 kg), do trabalho desenvolvido na aerodinâmica e a uma evolução mais radical das ligações ao solo.

O Renault MÉGANE R.S. TROPHY-R será comercializado, até final de 2019, sob a forma de uma série limitada a algumas centenas de exemplares.

A Renault Sport promoveu parcerias com especialistas reconhecidos no seu domínio de atividade: Akrapovič, Brembo, Bridgestone, Öhlins e Sabelt

A primeira aparição terá lugar no dia 24 de maio, no Mónaco, por ocasião do Grande Prémio de Fórmula 1™, pelas mãos de Daniel Ricciardo e Nico Hülkenberg, pilotos do Renault F1 Team!

Seguindo a tradição da Renault Sport, a nova geração do MÉGANE R.S. TROPHY-R não deve os seus elevadíssimos desempenhos à potência «bruta», uma vez que o seu motor de 300 cavalos é exatamente o mesmo do Mégane R.S. Trophy, lançado já em 2019. O MÉGANE R.S. TROPHY-R foi desenvolvido como um automóvel de competição, num período de tempo extremamente curto, e por uma equipa que se concentrou em três eixos de atuação: redução do peso (até 130 kg em comparação com o Mégane R.S. Trophy sem opções), apuro aerodinâmico e uma evolução radical ao nível dos eixos rolantes.

E o resultado é conclusivo: o MÉGANE R.S. TROPHY-R obteve, no dia 5 de abril de 2019, um novo recorde absoluto, para um automóvel de série de tração dianteira, no Nordschleife de Nürburgring. Os 20,832 km e as 73 curvas foram percorridas em 7m40,100s.

A história do Mégane R.S. no «Ring» tem mais de 10 anos. O início remonta a 2008, com o primeiro recorde para um tração dianteira: o Mégane R.S. R26.R percorreu a volta em 8m17s. Este tempo foi pulverizado três anos mais tarde, em 2011, pela segunda geração do Mégane R.S., na versão Trophy, que registou 8’07’’97 no cronómetro. Em 2014, o Mégane R.S. desceu, pela primeira vez, a barreira dos 8 minutos (7’54’’36), com a versão Trophy-R do Mégane III R.S..

O MÉGANE R.S. TROPHY-R será comercializado antes do final de 2019, sob a forma de uma série limitada a algumas centenas de exemplares.

E será pelas mãos de Daniel Ricciardo e de Nico Hülkenberg, pilotos do Renault F1 Team, que o MÉGANE R.S. TROPHY-R fará a primeira aparição pública, no dia 24 de maio de 2019.

A Renault Sport trabalhou em parceria com parceiros de referência: Akrapovič para a linha de escape, Brembo para os travões, Bridgestone para os pneumáticos, Öhlins para os amortecedores e Sabelt para as baquets.

Renault Sport, ADN alimentado pela competição

Os automóveis desportivos concebidos e desenvolvidos pela Renault Sport são herdeiros dos 120 anos de experiência da Renault na competição automóvel e nos 40 anos de presença na Fórmula 1®. A gama Renault Sport integra tecnologias desenvolvidas originalmente para a competição e que são o fruto da colaboração entre os engenheiros da Renault Sport Cars e da Renault Sport Racing.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.