Groupe PSA produz grandes furgões na Polónia a partir do final de 2021

0
  • Para garantir o sucesso da sua estratégia em matéria de Veículos Comerciais Ligeiros (VCL), o Groupe PSA necessita de capacidade de produção suplementar
  • Convergência dos modelos VCL Opel/Vauxhall nas plataformas do Groupe PSA para otimizar a eficiência
  • Plano de performance para adaptar a fábrica de Gliwice à produção de veículos comerciais

“Esta boa notícia para a fábrica de Gliwice demonstra que o nosso Programa Fábrica de Excelência está a ser implementado em toda a Europa com sinergias e eficiência. A performance industrial será uma ferramenta essencial ao serviço das nossas ambições no mercado de veículos comerciais e permitir-nos-á garantir aos nossos clientes a melhor oferta neste segmento para todas as nossas marcas ”, acrescentou Yann Vincent, Diretor Industrial e da Cadeia de Aprovisionamento.

“Acolher a produção dos grandes furgões é uma grande etapa para o futuro da fábrica de Gliwice e um importante desafio para se alcançar os mais elevados níveis de eficiência e de qualidade para os clientes profissionais. Ao longo dos próximos anos iremos comprovar a nossa agilidade na adaptação dos nossos processos para a produção deste tipo de veículos, mostrando estar à altura da confiança que é em nós depositada”, acrescentou Andrzej Korpak, Diretor da Fábrica de Gliwice, do Groupe PSA.

Líder europeu no mercado VCL, o Groupe PSA pretende reforçar as suas quotas de mercado neste continente e acelerar o seu desenvolvimento nas restantes regiões.

A fábrica de SevelSud (joint-venture FCA/PSA, situada em Val di Sangro, em Itália) ultrapassou as suas capacidades de produção no decurso dos últimos 3 anos, com a produção dos grandes furgões Peugeot Boxer, Citroën Jumper e Fiat Ducato.

A convergência das marcas Opel/Vauxhall sobre a plataforma dedicada aos grandes furgões requer, agora, uma capacidade de produção adicional. O Groupe PSA decidiu estender a sua presença em Gliwice, na Polónia, para fazer uso pleno do seu savoir-faire e da sua competitividade. A fábrica sofrerá um processo de transformação de modo a acomodar veículos comerciais e será adaptada para a plataforma dedicada aos grandes furgões.

Este investimento visa aumentar a capacidade de produção da fábrica para 100.000 furgões por ano. O aumento das capacidades de produção no segmento dos grandes furgões das marcas Peugeot, Citroën, Opel e Vauxhall irá permitir ao Grupo prestar um melhor serviço aos seus clientes no final de 2021, garantindo uma visibilidade industrial de mais 10 anos ao complexo de Gliwice.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.