Portugueses com o oitavo lugar em Mid-Ohio

0

O oitavo lugar final na quarta jornada do IMSA WeatherTech Sports Car Championship em Mid-Ohio ficou longe do lugar expectável para Filipe Albuquerque e João Barbosa, que, apesar de saberem que estavam em desvantagem face aos seus adversários devido ao ‘balance of performance’, não previam este desfecho. No entanto, uma estratégia arriscada acabou por ditar este fim.
 
A dupla portuguesa e toda a equipa do Cadillac #5 estavam cientes que para recuperar lugares teriam de ser ambiciosos. A rodar quase toda a corrida no quinto posto e numa altura em que Filipe Albuquerque estava ao volante, uma hipotética situação de bandeiras amarelas fez o piloto português entrar na boxes para mais um ‘pit-stop’: “O carro que estava parado na pista acabou por voltar à corrida e as bandeiras amarelas não apareceram. A equipa também não estava preparada para essa entrada repentina e acabámos por perder muito tempo nessa paragem e claro todas as hipóteses de conseguir um bom resultado. A realidade é que arriscámos muito e acabámos por perder. Se tivesse funcionado teríamos recuperado algumas posições. Mas, teve o efeito contrário e temos de saber aceitar os nossos erros. Agora é seguir em frente e pensar na próxima corrida e no trabalho que temos de fazer para que tudo corra melhor”, concluiu o piloto português.

“O início da corrida foi de loucos, mas era o andamento que tínhamos. Perdi um bocadinho na luta com um dos Acuras. O risco que corremos podia ter saído bem, mas infelizmente não resultou. Perdemos muitas posições que não conseguimos recuperar”, disse Barbosa.
 
A quinta jornada do IMSA vai decorrer a 1 de Junho em Detroit para uma corrida sprint de 1h40m.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.