Dia Mundial da Cortesia no Trânsito

0
  • Roady dá sugestões para uma condução cívica no trânsito

No dia 5 de maio comemora-se o Dia mundial da Cortesia no Trânsito. Roady assinala este a data com uma série de dicas e conselhos para os automobilistas ultrapassarem os momentos passados no trânsito da melhor forma. O objectivo da insígnia é sensibilizar os condutores para a importância de respeitar as regras na estrada, de forma a evitar acidentes.

Ser cortês no trânsito significa cumprir as regras de trânsito e ter uma atitude cívica ao volante, isto é: não buzinar, respeitar as entradas alternadas, não ultrapassar automobilistas que estão ordeiramente em filas e muito mais. Mais civismo ao volante significa menos acidentes e por isso os centros-auto Roady prepararam alguns conselhos para estes momentos:

  1. Não utilizar o veículo como instrumento de ameaça ou de agressão. 
  2. Manter a calma quando circular atrás de um veículo de instrução. 
  3. Em autoestrada ou via rápida, não conduzir junto da traseira do carro que circula imediatamente à frente. Respeitar sempre o espaço de segurança entre veículos. 
  4. Dar sempre prioridade aos peões, mesmo fora das passadeiras ou antes de estas serem pisadas. Para evitar acidentes é importante ter os travões em bom estado e verificar as pastilhas e os discos com regularidade. Se o condutor ouvir ruídos estranhos ao travar ou se o automóvel não parar imediatamente ao colocar o pé no pedal do travão, então está na hora de ir à revisão. 
  5. Não beber bebida alcoólicas e não utilizar o telemóvel durante a condução. Existem kits mãos-livres e outras alternativas no mercado que impedem acidentes. Contudo o uso destes dispositivos deve ser feito apenas em casos de emergência.
  6. Vigiar o estado do veículo, de modo a contribuir para a segurança e o respeito de todos os utilizadores da estrada. Para isso sugere-se uma manutenção regular. A reparação de veículos e os testes antes de cada inspeção evitam faturas dispendiosas e, acima de tudo, acidentes. Prefira serviços especializados com técnicos certificados. 
  7. Não estacionar em passadeiras de peões, faixas BUS, lugares de deficientes e saídas de emergência. Em suma não estacionar em locais que prejudiquem a passagem e a visibilidade dos peões, em especial crianças, idosos e deficientes; 
  8. Parar sempre nos sinais de STOP e abrandar com o aparecimento da luz amarela. Para circular e parar sem problemas é fundamental ter uns bons pneus. Um condutor pode ser cortês, mas qualquer cortesia fica em risco com pneus desgastados. Na altura de comprar pneus deve ter em conta a categoria do automóvel, o estilo de condução, o piso em que conduz e o clima. Os Kits de Emergência para Pneus, disponíveis nos Centros Auto Roady foram concebidos para reparações temporárias e podem ser fundamentais em momentos de azar. 
  9. Reduzir a velocidade em locais de trânsito de peões. O que nos remete para a questão da visibilidade. À noite, face à visibilidade praticamente nula, os faróis são fundamentais para ver e ser visto. Nas revisões dos Centros Auto Roady, a iluminação exterior é testada com 17 verificações distintas e essenciais. Um restaurador de faróis é muito importante e não custa ter lâmpadas suplentes para uma emergência. Além disso, é elevado o número de condutores que conduzem com os vidros sujos, por vezes até sem água no depósito do limpa-vidros. Esta situação impede uma boa visibilidade, um fator crítico quando a condução é noturna. Vidros sem mácula, um recipiente com líquido e um rodo limpa-vidros devem andar sempre na mala do carro. 
  10. Adequar a condução às condições atmosféricas e da via. Se o condutor não estaciona regularmente o carro numa garagem, a borracha das escovas limpa vidros degrada-se mais rapidamente, principalmente no verão com a exposição ao sol e as altas temperaturas. Assim, recomenda-se que se substitua as escovas, a cada ano, para que o condutor veja sempre a estrada bem.
  11. Aceitar o ritmo de condução dos outros e respeitar os limites de velocidade legais. O respeito e a paciência por outros ritmos implicam também ultrapassagens em consonância com o código da estrada, não esquecer que as ultrapassagens devem ser sempre realizadas pela esquerda. 
  12. Não perder a paciência quando a via se encontra obstruída e não impedir a ultrapassagem de outro veículo.

Se os condutores cumprirem estas regras de civismo e cortesia o tempo passado nas filas de trânsito irá parecer menor e será com certeza menos stressante e mais pacífico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.