Pedro Lamy obrigado a abandonar em Daytona

0

Pedro Lamy não foi feliz na primeira prova de 2019, 24 Horas Rolex Daytona. A correr na categoria GTD, ao volante de um Ferrari 488 GT3 da equipa Spirit of Race, a equipa do piloto português foi forçada a desistir na sequência de um incidente ainda antes das 12 horas de corrida.

“Ainda não foi desta que conseguimos um bom resultado em Daytona. Esta corrida é muito exigente e a deste ano foi particularmente difícil devido à chuva intensa que se fez sentir no domingo. Infelizmente nós nem chegámos a sentir essa dificuldade…” comentou o piloto português.

Pedro Lamy segue para Austrália onde vai disputar as 12 Horas de Bathurst, na Austrália, com a mesma equipa que participou em Daytona e com os seus companheiros Mathias Lauda e Paul Dalla Lana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.