Mau tempo marca presença e complica a primeira prova da Taça X-Trophy

0

Depois do adiamento em uma semana motivado pelas condições climatéricas bastante adversas, realizou-se no passado dia 18 em Mação a primeira prova da Taça X-Trophy 2018.  Porém, apesar do espaço de uma semana entre a data que foi cancelada e a data da realização da prova em que o tempo esteve solarengo e sem chuva,  quis o destino que a nova data fosse novamente marcada pela chuva, que acompanhou a realização das provas praticamente de inicio a fim.

Durante a semana que antecedeu a prova o MAC-TT – clube organizador da prova de Mação, aproveitou o tempo para recuperar a pista e coloca-la nas melhores condições possíveis para a prova de domingo, porém a chuva acabou por ensopar a pista e logo ás primeiras voltas da prova das motos acabou ficar coberta por uma mistura de lama e água que se foi agravando quer pela passagem dos pilotos quer pela quantidade de água cada vez maior fruto da chuva que insistentemente ia caindo.

Se para os pilotos moto a prova foi complicada, para os pilotos quad ainda foi pior e bastou a volta de reconhecimento para homens e máquinas rapidamente mudarem do habitual colorido que os distingue para uma cor castanha uniforme que os tornava praticamente iguais.

Quanto a inscritos e tendo em conta toda a envolvência com o clima a “castigar” a prova e as contingências do calendário com uma prova do nacional de todo o terreno ainda por disputar, acabou por se reunir uma caravana de participantes muito interessante, que animou bastante a prova em especial nas classes FUN.

Esta edição da Taça X-Trophy composta por duas provas apenas é a percursora do Troféu X-Trophy 2019, que arrancará em Janeiro, e trouxe já algumas das novidades em termos de regulamento, como por exemplo a obrigação dos pilotos terem que passar a linha de meta com a bandeira de xadrez ou terem que fazer pelo menos 50% das voltas do vencedor para poderem ser classificados.

MOTOS:  ANDRÉ SÉRGIO (TT2) SUPERA TUDO E TODOS.

A lista de inscritos das classes “Moto” foi dominada em número de participantes pela classes FUN, tendo sido nestas duas categorias que se verificaram as maiores lutas pelos melhores lugares, com Flávio Carvalho a vencer as TT1-FUN  e Nelson Cunha a vencer nas TT2-FUN, ambos com 8 voltas.

Já nas classes de pilotos federados, com as listas de pilotos muito menos extensas as classificações ficaram definidas mais rapidamente.  Nas TT1, João Duarte venceu a corrida com 8 voltas realizadas, e nas TT2 coube a André Sérgio a vitória com 9 voltas.

André Sérgio (TT2) foi mesmo o grande dominador da corrida, sendo o único que conseguiu realizar 9 voltas  e tendo como desvantagem estar a estrear uma moto nova nas TT2, bastante diferente da TT1 que tinha utilizado até então.    Na classificação geral virtual, André Sérgio seria o vencedor da prova de Mação, na frente de Nelson Cunha (TT2 Fun) em segundo e Gonçalo Branquinho (TT2-Fun) em terceiro.

Andrea Sousa levou consigo o troféu de melhor piloto na classe TT-Feminino ao qual juntou ainda o segundo lugar entre os TT1 federados.

Nos veteranos Paulo Cardoso (TT2) com 7 voltas foi o melhor, superiorizando-se a José Rodrigues e Fernando Silva, ambos da classe TT2 e com 6 voltas realizadas, em segundo e terceiro lugares respetivamente.

QUADS: MUITA LUTA E SOFRIMENTO, MAS TAMBÉM GARRA E DETERMINAÇÃO MARCARAM A PROVA DOS QUADS.

Se os pilotos moto sofreram durante a prova com uma pista enlameada e escorregadia, os homens dos quads tiveram pela frente um verdadeiro teste à sua resistência física e até psicológica para conseguirem aguentar 1h30m numa pista com condições já de si muito complicadas, mas que face ás características dos próprios quads se tornaram ainda mais difíceis.

À semelhança do que aconteceu nas duas rodas, também nas quatro rodas o domínio estava do lado das classes Fun, neste caso da Q1 – Fun que se destacava significativamente das demais.  Porém a liderar a lista de inscritos estava o atual campeão nacional e do mundo de quads, Arnaldo Martins, que não deixou os seus créditos por mãos alheias.

Na classe Q1-Fun Noel Mendes e Vítor Lopes foram que mais voltas conseguiu dar à pista, ambos com 8 voltas, com a vantagem a recair para Noel que terminou em primeiro  lugar na frente do seu adversário.   Na classe Q2-Fun venceu Ricardo Ferreira, que no entanto apenas conseguiu dar 5 voltas á complicada pista de Mação.

Quanto à classe Q1 de pilotos federados, Arnaldo Martins foi o vencedor com 8 voltas realizadas, mais 3 Fábio Ferreira que terminou em segundo. A jovem Yara Caçador, a participar na classe Q1-Fun juntou á sua excelente prestação na sua classe  a conquista do troféu na classe Q-Feminino.

Entre os veteranos foi Arnaldo Martins quem conseguiu ser o melhor, seguido de Rui Russo e Carlos Reguinga em segundo e terceiro respetivamente. Quanto á geral virtual, Arnaldo Martins foi o melhor em Mação (Q1), com Noel Mendes (Q1-fun) a ficar em segundo e Vítor Lopes (Q1-Fun) a ficar em terceiro.

“Hoje, à semelhança do fim de semana passado São Pedro não esteve do nosso lado, tivemos aqui mais uma prova bastante molhada e exigente para os pilotos e para esta caravana bem composta com excelenteS pilotos e que deram um excelente espetáculo. São Pedro não nos ajudou e criou aqui uma certa dificuldade também para o publico e em especial para a organização e para os pilotos também, mas isto é todo o terreno, foi mais difícil mas penso que eles estiveram á altura e se divertiram.” Disse Sérgio Santos do MAC-TT,  clube organizador do evento.

Luis Pirralho, da X-Adventure, entidade promotora da Taça X-Trophy mostrava-se : “… satisfeito mesmo apesar das dificuldades que esta prova nos colocou.  O mau tempo primeiro obrigou-nos a um adiamento e agora voltou de novo tornando as condições de corrida muito complicadas tanto para pilotos, como para as assistências, publico e organização.  Porém, a atitude dos pilotos que aceitaram participar mesmo com estas condições merece todo o nosso respeito e admiração pela coragem, determinação e desportivismo que apresentaram.“

A Taça X-Trophy continua no próximo dia 9 de Dezembro em Arneiro das Milhariças, Santarém.  As inscrições já estão abertas no site oficial. A Taça X-Trophy Mação 2018 é organizada pelo MAC TT – Clube TT de Mação. As tabelas de resultados completas podem ser encontradas no site oficial em www.x-trophy.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.