ARC Sport aposta tudo no título

0
  • Ricardo Teodósio aposta tudo no triunfo
  • Pedro Almeida e Miguel Correia celebram ano fantástico

Independentemente dos resultados alcançados no Rallye Casinos do Algarve, a ARC Sport é a virtual campeã de equipas no CPR 2018. A formação de Aguiar da Beira está orgulhosa na prestação de Ricardo Teodósio e José Teixeira ao longo do campeonato, levando a discussão do título até à derradeira prova do campeonato.

As excelentes participações, em ano de estreia, das duplas Pedro Almeida/Nuno Almeida e também de Miguel Correia/Pedro Alves, são também motivo de satisfação para toda a equipa, que nos troços do Algarve tudo farão para dar continuidade aos bons resultados conquistados.

ESTE É MESMO UM RALI MUITO ESPECIAL PARA RICARDO TEODÓSIO

A equipa algarvia do Skoda Fabia R5 chega ao seu rali com hipóteses de alcançar o título de 2018. Por isso, Ricardo Teodósio e José Teixeira só podem pensar na vitória.

“Vamos fazer o melhor possível, e isso passa por tentar vencer, por diversas razões. Ganhar em casa é muito importante, fazer um bom rali perante o nosso público é essencial e, sendo assim, a vitória é o único resultado possível, independentemente de poder vir, ou não a ser campeão, porque este é sem sombra de dúvidas o nosso rali. Queremos melhorar ainda mais, e estar à altura de responder às expectativas que depositam na nossa equipa”, afirmou Ricardo Teodósio.

PEDRO ALMEIDA QUER ANDAR RÁPIDO E CONTINUAR A EVOLUIR

Não se podia pedir mais a Pedro Almeida em ano de estreia. Acompanhado por Nuno Almeida, o piloto tem mostrado nítidos progressos ao volante do Ford Fiesta R5.

“Foi um ano de aprendizagem e este rali vai servir para avaliar o quanto crescemos. Vamos procurar tirar o máximo partido do carro, num tipo de piso que gosto particularmente. Fizemos um ano de estreia muito positivo, e neste rali vamos andar rápido e, com exigência e ambição, concluir de forma positiva a temporada. O objetivo é somar pontos no nacional e andar rápido ao longo de todo o rali” concluiu Pedro Almeida.

MIGUEL CORREIA QUER TERMINAR A ÉPOCA EM ALTA

Simplesmente surpreendente, tem sido o excelente percurso de Miguel Correia e Pedro Alves ao volante do Renault Clio R3. Também em estreia absoluta no CPR, a equipa quer terminar a temporada com mais um bom resultado.

“Vamos tentar chegar ao título de RC3, categoria que lideramos à chegada ao Algarve. Estamos conscientes da nossa inexperiência, mas queremos acabar a época de uma forma muito positiva, tal como decorreu o campeonato até aqui, em ano de estreia. Independentemente do resultado que conseguir alcançar no Rali do Algarve, sinto-me bastante satisfeito com a época que fizemos, com o apoio imprescindível da ARC Sport”, desabafou Miguel Correia.

ARC SPORT CAMPEÃ DE EQUIPAS POR CULPA DOS PILOTOS

A formação de Aguiar da Beira chega ao Algarve como virtual campeã de equipas, independentemente do resultado que possa alcançar na prova. Um sucesso que só é possível devido à excelente participação dos seus pilotos, como reconhece Augusto Ramiro.

“Parabéns a todos os nossos pilotos, sem qualquer exceção. Sem eles, seria impossível ter chegado a este título. Mas o campeonato ainda não terminou, e queremos realizar um Rallye Casinos do Algarve bastante positivo, onde tudo faremos para chegar à vitória e, se possível, ao título, embora isso não dependa exclusivamente de nós. Tem sido gratificante a prestação do Ricardo, logo no seu primeiro ano ao volante do Skoda, e é compensador chegar ao Algarve ainda com hipóteses de disputar o título. Em relação ao Pedro e ao Miguel, quero agradecer terem feito um campeonato absolutamente fantástico. Os meus parabéns a todos, garantindo-lhes todo o nosso empenho para esta última prova do ano”, afirmou o responsável pela ARC Sport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.