Marini bate Oliveira e Bagnaia já é campeão

0

Valentino Rossi vai ter não um, mas dois motivos para celebrar este Domingo. Com um terceiro lugar no GP da Malásia, Francesco Bagnaia conquistou o título das Moto2 ― o primeiro da VR46 ― e Luca Marini completou a festa da equipa italiana ao segurar Miguel Oliveira e conquistar a primeira vitória na categoria intermédia do Mundial de MotoGP.

Segundo na grelha, Marini saiu muito bem e assumiu a liderança logo nos primeiros metros, com Bagnaia e Oliveira a subir vários lugares na classificação. Enquanto o #10 ia fugindo na frente, Pecco mantinha-se em segundo, sem sofrer grandes ameaças do piloto português.

Os rivais pelo título mantiveram as suas posições até à sétima volta, altura em que Miguel Oliveira passou para a segunda posição. Pecco ainda tentou contra-atacar, mas o #44 conseguiu manter a segunda posição. Uma vez à frente do #42, Oliveira passou a reduzir distâncias para Marini, com a diferença a diminuir volta após volta. Enquanto isso, Bagnaia passava a ser pressionado por Pasini na luta pelo terceiro lugar.

Com seis voltas para o fim, Marini errou e permitiu uma aproximação maior de Oliveira, mas conseguiu defender bem a liderança, ainda que sem ‘matar’ de vez a insistência do piloto da Ajo. Nas voltas finais, Marini conseguiu fugir de vez e acabou a prova com 1s194 de margem para Oliveira. Terceiro, Bagnaia fez história como o último campeão das Moto2.

Mattia Pasini recebeu a bandeirada no quarto posto, com Fabio Quartararo e Lorenzo Baldassarri a completar o top-6. Dono da pole, Álex Márquez fez uma corrida discretíssima e ficou apenas em sétimo. Brad Binder completou a corrida na oitava posição, com Marcel Schrotter e Joan Mir a completar o lote dos dez melhores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.