RallySpirit Altronix animou Gaia e Barcelos

0

3, 2, 1… Já teve início o RallySpirit Altronix, prova carismática no panorama do desporto automóvel português e até já internacional, capaz de proporcionar a milhares espectadores o contacto com os mais emblemáticos carros que escreveram a história dos ralis nas últimas seis décadas!

Ontem como hoje, iniciou-se uma emocionante viagem ao passado, que começou por ter o cenário natural da marginal de Vila Nova de Gaia como epicentro da ação. O convívio entre as cerca de 100 equipas, em ambiente de pura descontração e quem nem a chuva esmoreceu, deu um colorido diferente à margem sul do Douro e serviu de “aperitivo” para muitos adeptos ou simples curiosos “degustarem” um evento que só teve o seu arranque competitivo, no dia de hoje.

Com o programa centrado na cidade de Barcelos, os concorrentes percorreram três provas especiais (dupla passagem pelo troço da Franqueira e Super Especial Barcelos, no Campo da Feira), que serviram para aferir a primeiras definições em termos de tabela classificativa. Sempre aplaudido por uma imensa multidão, François Delecour, a estrela que outrora brilhou no Campeonato do Mundo de Ralis, assumiu o favoritismo e terminou o primeiro dia à frente na Categoria de “Spirit”, ao volante do Ford Sierra Cosworth 4×4, 5,7s à frente de Eduardo Veiga (Ford Escort MK2) e 6,2s na dianteira de Gonçalo Figueiroa (Ford Escort MK2).

Já na categoria “Históricos”, o primeiro dia provou que a luta pela vitória vai ser renhida até final e provavelmente entre pilotos espanhóis. Eugenio Gonzalez (Ford Escort MK2) superiorizou-se ao seu compatriota Pablo Pazó (Talbot Lotus), mas apenas por 3,3s, perante o olhar atento do melhor português, Pedro Couceiro (Opel 1904 SR), a 7,0s do líder.

Amanhã, cumpre-se a etapa final e também a mais extensa do RallySpirit Altronix, com a disputa de mais sete classificativas cronometradas. Passagem dupla pela especial do “Coronado” (10h03 e 14h45), da “Assunção” (10h46 e 14h45), de S. Tomé de Negrelos (11h34 e 15h51) e ainda a espetacular “Super Especial Gaia” (14h02), disputada no Quartel da Serra do Pilar, prometem momentos únicos de nostalgia e adrenalina para pilotos e público, que, recorde-se, tem acesso livre a todas as especiais. Esta grande festa do desporto automóvel, tem o seu corolário marcado para o cair da noite (17h26), novamente na marginal de Gaia, altura em que equipas e público têm marcado o último convívio com a chegada oficial do RallySpirit Altronix.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.