Consagração da PRMiniracing e Rui Ramalho em Boticas

0

Tal como se esperava, o final do Campeonato de Portugal de Montanha em Boticas foi uma grande festa, num traçado espectacular e bastante desafiante. De referir uma vez mais a excelente recepção proporcionada a todas Equipas por parte do Clube Organizador – Demoporto e pela Câmara de Boticas.

Com condições meteorológicas bastante favoráveis nos dois dias, proporcionou ao muito público presente um excelente espectáculo, para satisfação de todos.

RUI RAMALHO / OSELLA PA2000 EVO2 # 1

Rui Ramalho mesmo depois de já ter garantido o título de Campeão de Portugal de Montanha 2018 em Murça não quis faltar “à última festa de Boticas” e perseguir o seu último objectivo pessoal !

“Depois de ter garantido o meu objectivo para este ano, sagrar-me bicampeão de Portugal de Montanha, tal como o meu irmão Paulo o fez no passado recente, tracei para mim mesmo um novo objectivo ainda para este ano: vencer todas as provas deste ano fazendo o pleno – 8 provas do calendário  / 8 vitórias. Com bastantes cautelas e com andamento defensivo, consegui vencer com tranquilidade e com isso atingir o meu último objectivo deste ano que era vencer todas as provas. Como tal, fiquei extremamente feliz por ter proporcionado tal feito à minha Equipa, Família, Amigos e Fans e claro está a todos os nossos imprescindíveis Patrocinadores, sem os quais tudo isto seria impossível de alcançar. Abraços e beijinhos para todos e até breve”.

PAULO RAMALHO / OSELLA PA21S EVO # 3

Paulo Ramalho, tinha como objectivo participar, com o intuito de melhorar as classificações obtidas nas provas anteriores e com isso recuperar importantes pontos para a classificação do Campeonato, contudo e infelizmente um problema insolúvel na centralina do motor, não lhe permitiu sequer sentar-se na baquet do seu OsellaPA21 S EVO.

“Tal como informei no comunicado anterior, uma avaria electrónica sofrida no nosso Osella PA21S EV0 deixou-nos completamente sem acção para marcar presença este fim-de-semana em Boticas, uma vez que a centralina de motor em causa possui um prazo de entrega de 3 a 4 meses deixando-nos completamente imobilizados. Para o ano haverá mais, estando certo que nos apresentaremos novamente fortes, com o objectivo de lutar pelo tricampeonato.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.