Ronda quente do CNV na ‘montanha-russa’ Algarvia

0

Depois de um longo interregno o campeonato nacional de velocidade regressou ás pistas no passado fimdesemana para uma ronda marcada pelo calor e pelo sempre entusiasmante e exigente desenho da pista do Autódromo Internacional do Algarve, circuito que comemora em 2018 uma década de existência.

Com 83 pilotos divididos pelas diversas categorias que integram as classes de campeonato nacional e respectivos troféus e em fimdesemana de intenso calor não faltou animação ao longo dos mais de 4.592 metros da pista que alberga igualmente desde a sua inauguração uma ronda do campeonato do mundo de Superbike.

Com a classe maior, que coloca lado a lado as Superbike e Superstock 600, a presença de Sheridan Morais e o regresso de Tiago Magalhães foi nota de destaque num pelotão com mais de dezena e meia de pilotos e onde Ivo Lopes levou a melhor desde os treinos até ao final das quinze voltas realizadas no final da quente tarde de Domingo. Uma vitória na frente de Sheridan Morais, o melhor nas 600, cabendo a Tiago Magalhães o fecho do pódio colectivo, ele que regressou ás pistas depois da lesão sofrida aquando da queda na primeira ronda do campeonato realizada no Estoril.

Com duas corridas na agenda, uma no Sábado outra no Domingo, e com 17 pilotos em pista, o pelotão das PreMoto3, SS300 e 85GP viu Kiko Maria, Tomás Alonso e Rafael Saraiva os vencedores das categorias. No Domingo foi Angel Dominguez quem venceu pela primeira vez este ano, cabendo a Tomás Alonso a vitória em SS300 e Marco Mateiro nas 85GP no final de uma corrida debaixo de temperaturas bastante elevadas e onde o líder do campeonato, Kiko Maria, foi forçado a abandonar.

A Copa Dunlop Motoval esteve igualmente em Portimão e na classe 1 quem venceu foi Dani Trelles e na 2 foi Filipe Lourenço, o mais rápido igualmente na classificação geral. No Domingo o sucesso sorriu novamente aos mesmos protagonistas no final de 9 voltas onde o melhor voltou a ser Filipe Lourenço aos comandos da sua Aprilia.

Em provas estiveram igualmente os pilotos das sempre animadas corridas do Troféu ENI – Taça Luis Carreira e o cada vez mais concorrido ZCup. Num pelotão com 27 pilotos no total a primeira corrida viu Rui Felisberto a vencer na TLC Open, Frédèric Bottoglieri na ZCup, João Vieira na TLC SS e Ricardo Almeida na TLC SBK. Na segunda corrida foi Frédèric Bottoglieri o melhor na classificação geral e ZCup, com Rui Felisberto a ser novamente o melhor na sua classe à semelhança de João Vieira e e Ricardo Almeida, que voltaram a repetir as primeiras posições do dia anterior.

O campeonato regressa ás pistas já no derradeiro fimdesemana deste mês de Junho e arranque de Julho, de novo no Circuito do Estoril e onde se espera novamente uma forte afluência de pilotos.

RESULTADOS COMPLETOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.