Guilherme de Oliveira garante quarto lugar na Suécia

0
  • Piloto de Vila Nova de Gaia esteve muito forte no Circuito de Kristianstad

Depois da jornada inaugural realizada no circuito belga de Genk, na segunda prova do Rotax Max Challenge Euro Trophy – vulgo campeonato europeu de Karting Rotax – disputada no traçado de Kristianstad, na Suécia, Guilherme de Oliveira, que se estreia na competição onde Max Verstappen também alinhou dois anos antes de ingressar na Fórmula 1, surpreendeu – ou talvez não – um pelotão de cerca de quatro dezenas de pilotos da categoria Júnior.

Apenas com 13 anos de idade e frente a lote de concorrentes muito experiente, o piloto português fez uma prova de superação e explica porquê. “O nível do Europeu Rotax é muito forte. Na primeira jornada, na Bélgica, consegui um quarto lugar numa manga e fiquei bastante satisfeito. Confesso que à partida para a segunda prova na Suécia tinha como objetivo continuar a evoluir, até porque não conhecia a pista e sabia que os pilotos nórdicos estavam a ‘correr em casa’. Mas o meu mecânico José Santos, juntamente com a equipa Dan Holland Racing, fizeram um excelente trabalho na afinação no meu kart e conseguiu estar forte. Depois de ter sido 7.º classificado no final das mangas, graças a dois quintos lugares, na Final 1 terminei na quarta posição e na Final 2 fechei o top-5. Na soma das duas Finais, garanti um excelente quarto lugar. Foi um resultado muito bom e permitiu-me passar para a 8.ª posição do campeonato, no qual estão classificados 47 pilotos. Obrigado a todos os que acompanham a minha carreira, mas sobretudo ao José Santos e também à Dan Holland Racing, equipa pela qual corro no Europeu Rotax”, comentou o piloto patrocinado pela Quinta do Fontelo, Ranatrans, Valadares e Saniax.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.